Arquivo da Categoria ‘Rio de Janeiro’

+ aumentar e diminuir fonte -
Chuva de SP avança para o RJ e MG
terça-feira, 2 de setembro de 2014

Áreas de instabilidade se espalharam sobre o Estado de São Paulo na noite desta terça-feira. Nuvens bastante carregadas provocaram chuva forte, com granizo e ventania.

A instabilidade ganhou força também no Triângulo Mineiro e sul mineiro no começo da madrugada e provocou chuva moderada a forte e descargas elétricas. Ao longo do dia, a chuva deve atingir também a Grande Belo Horizonte e não se descarta temporal. No Rio de Janeiro a chuva também já chegou ao sul do Estado nesta madrugada. Ao longo do dia o tempo fica instável e com risco para chuva forte nas outras áreas fluminense, inclusive na capital. Em cidades do norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, as pancadas de chuva devem ocorrer à tarde e à noite. O aumento da nebulosidade e a chuva vão aliviar o calor intenso no Sudeste.

 

 

 

RJ ainda tem sol e calor
terça-feira, 2 de setembro de 2014

Com o afastamento de uma frente fria para alto-mar, a nebulosidade voltou a diminuir sobre o Rio de Janeiro e o sol apareceu forte na manhã desta terça-feira. A imagem de satélite captada pelo satélite GOES 13, às 11hh15, mostra o predomínio da cor preta sobre o Estado do Rio de Janeiro, o que representa pouca ou nenhuma nebulosidade. Apenas o litoral sul, região da Paraty e de Agra dos Reis estava com muitas nuvens, representadas por manchas cinzas.

 

A terça-feira continua com sol e tempo firme no Estado do Rio de Janeiro. Algumas nuvens crescem no decorrer da tarde, mas a não há expectativa de chuva.

 

Mudança no tempo amanhã

O tempo muda no Estado do Rio de Janeiro durante esta quarta-feira com a chegada de áreas de instabilidade ao Sudeste do Brasil. Parte destas nuvens carregadas estão vindo do Sul do Brasil e vão trazer pancadas de chuva para o Rio de Janeiro.

Ventos úmidos e frios, de origem polar, entram sobre o Estado do Rio de Janeiro durante  a quinta-feira ajudando a aumentar a umidade e a baixar a temperatura.

Chuva avança para a Região dos Lagos no RJ
quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Atualizado em 28/08/2014 às 16h00

Após provocar pancadas de chuva com forte intensidade no Grande Rio. As áreas de instabilidade avançam em direção à Região dos Lagos e vai provocar chuva com intensidade moderada a forte. Tais áreas de chuva se devem a organização de áreas de instabilidade devido a passagem de um ciclone extratropical.

O posicionamento do ciclone extratropical no Atlântico Sul organiza o vento para uma perturbação mais intensa do mar. As ondas aumentaram bastante o mar está agitado na Barra da Tijuca e na praia de Itaúna em Saquarema.

Radar meteotrológico do Pico do Couto-RJ (REDEMET)

 

O tempo mudou no Rio de Janeiro com o avanço de uma frente fria. As pancadas de chuva começaram na tarde de ontem e se estenderam durante a noite e madrugada em áreas da serra, Grande Rio e Baixada Fluminense. A quinta-feira ainda nublada e com chuva em algumas áreas da capital. O mar está agitado no litoral em praias como a Barra da Tijuca.

A tendência ainda é de muita umidade, a chuva tem períodos de melhora e pode, inclusive, parar por alguns momentos. Para esta quinta-feira não há expectativa de chuva forte.

Na sexta-feira, a frente fria se afasta do Estado, mas o vento frio e úmido que sopra do mar deve deixar o céu nublado, com poucas aberturas de sol, temperaturas baixas e possibilidade de garoa.

No fim de semana, o sol volta a predominar e a temperatura sobe novamente. O retorno da chuva deve ocorrer a partir do domingo à noite.

Mar agitado e risco de ressaca

Ondas grandes geradas pela passagem de um ciclone extratropical no oceano já começaram a chegar ao litoral do Sudeste. Nesta quinta-feira o mar sobe ainda mais mais no litoral fluminense e o dia deve terminar com ondas em torno de 2 metros. Há risco de ressaca. Na sexta-feira a agitação marítima segue forte e as ondas devem variar entre 2 e 3 metros de altura, inclusive nas praias da capital. No sábado, o mar amanhece bastante agitado, mas ao longo dia diminui. Para o domingo, a tendência é de que essa diminuição continue.

A Previsão do Tempo em Suas Mãos
quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Você já conhece o novo aplicativo da Climatempo? Ele está com um layout muito mais atraente e funcionalidades novas. Tenha a nossa previsão do tempo em suas mãos, em qualquer lugar. Você também pode ver a previsão do tempo de outras cidades, tirar foto com o #fotografeotempo e compartilhar com seus amigos!

Não perca mais tempo e faça o download do novo app da Climatempo!

Chuva, frio e mar agitado no Rio de Janeiro
quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Atualizado em 27/08/2014 às 20h50

A frente fria que chegou ao Rio de Janeiro, mudando o tempo e diminuindo a temperatura em todo o estado, começa a se afastar nesta quinta-feira. Porém ainda deixa muitas instabilidades espalhadas por todas as regiões fluminenses. Os ventos frios e úmido que chegam do mar ajudam a deixar o tempo fechado e favorece a ocorrência de chuva fraca a moderada. A chegada deste ar frio polar mantém a temperatura baixa e volta a fazer frio em todo o Rio de Janeiro, principalmente na Região Serrana. Para a capital fluminense a previsão é de um dia de chuva, com temperatura máxima de apenas 22 graus. O vento do quadrante sul sopra de forma constante e até moderada intensidade, reforçando a sensação de frio no decorrer do dia. Na sexta-feira os ventos marítimos ainda deixam o Rio com predomínio de céu nublado e temperatura baixa. A instabilidade da frente fria perde força  e só há possibilidade de chuviscos. No fim de semana uma nova massa de ar seco ganha força e o sol volta a predominar. O sábado ainda começa frio, mas durante a tarde a temperatura sobe. No domingo esquenta.

Mar agitado e risco de ressaca

Ondas grandes geradas pela passagem de um ciclone extratropical no oceano já começaram a chegar ao litoral do Sudeste. Nesta quinta-feira o mar sobe ainda mais mais no litoral fluminense e o dia deve terminar com ondas em torno de 2 metros. Há risco de ressaca. Na sexta-feira a agitação marítima segue forte e as ondas devem variar entre 2 e 3 metros de altura, inclusive nas prais da capital.

Rio de Janeiro quente e seco
segunda-feira, 25 de agosto de 2014

A segunda-feira (25) foi marcada por muito sol, calor e umidade baixa na cidade do Rio de Janeiro. Os índices de umidade relativa do ar caíram para 13% na zona oeste da cidade do Rio no meio da tarde. Este é um valor muito baixa para qualquer localidade, ainda mais para uma cidade litorânea, como a capital fluminense. Segundo o INMET a temperatura chegou a 35,3°C em Santa Cruz. A temperatura elevada e a umidade baixa são resultado da presença do ar seco sobre a Região Sudeste e da intensificação de ventos quentes, vindos de noroeste.

Mudanças no tempo para a “Cidade Maravilhosa” ao longo desta semana.

Nesta terça-feira o sol ainda predomina e o tempo segue firme, com calor e umidade baixa no período da tarde. A nebulosidade até aumenta no fim do dia, mas não há expectativa de chuva. A aproximação de uma frente fria favorece a ocorrência de vento moderada a forte no decorrer do dia.

A partir de quarta-feira (27) a frente fria vai conseguir organizar áreas de instabilidade no centro-sul do Estado do Rio de Janeiro. Há a previsão de chuva forte, mas de forma mais localizada. A temperatura já diminui bastante e deve cair mais até o final da semana.

Domingo vai ferver no litoral!
quinta-feira, 21 de agosto de 2014

por Maria Clara Machado

A extensa massa de ar seco que está sobre o Brasil ganha ainda mais força nos próximos dias garantindo tempo ensolarado e muito quente. A maior elevação das temperaturas já começa a ser sentida nesta quinta-feira nos estados de São Paulo e do Rio de Janeiro com máximas de 27°C e 28°C nas capitais.

No fim de semana o calor vai ficar bem acima do normal para esta época do ano com temperaturas de verão e vai dar praia! A meteorologista Fabiana Weykamp chama a atenção para as praias do litoral do Paraná e de São Paulo, que poderão ter temperaturas de 35°C. No Rio de Janeiro, o calor pode até ultrapassar esse valor.

Uma nova frente fria está prevista para chegar ao Sul do Brasil no domingo (24) , mas a chuva fica mais concentrada no Rio Grande do Sul. Só na segunda-feira (25) há previsão de chuva no Paraná e na terça-feira (26) o tempo deve mudar em São Paulo.

Confira o que diz o meteorologista César Soares:

Veja também:

Mar agitado do Sul ao litoral do Nordeste

Centro-sul do Brasil ainda terá nevoeiro
quarta-feira, 20 de agosto de 2014

A quinta-feira vai amanhecer cheia de nevoeiros entre o Sul e o Sudeste do Brasil. No inverno é comum a observação do fenômeno por causa do resfriamento durante a madrugada.

A presença de uma circulação em sentido anti-horário (anticiclone) de ventos em níveis médios da atmosfera vai trazer o ar mais frio e mais seco desses níveis aqui para a superfície, movimento chamado de subsidência. Isso faz com que as noites e madrugadas sejam frias e esse resfriamento aumenta a umidade relativa do ar durante a noite (tecnicamente, a temperatura do ar se aproxima da temperatura do ponto de orvalho). O aumento da umidade relativa favorece a formação dos nevoeiros no final da madrugada e no começo da manhã.

Essa situação será observada nesta quinta-feira entre Santa Catarina e Rio de Janeiro. Ou seja, aeroportos podem ter sua visibilidade reduzida e até suas atividades prejudicadas nas capitais Florianópolis, Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro, e nas áreas entre o Vale do Itajaí e o Sul e Zona da Mata de Minas Gerais.

Temperaturas em elevação no Rio
quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Após dias de muita nebulosidade, a quarta-feira já amanheceu com o tempo mais aberto no Grande Rio, sem registro de nevoeiro nos aeroportos. As temperaturas seguem amenas, com máxima em torno dos 26º C e não há previsão de chuva.

A expectativa é que a partir de quinta-feira, a circulação marítima dos ventos enfraqueça e o sol volte a aparecer forte, favorecendo um maior aquecimento. Ainda há o risco de nevoeiro ao longo da manhã, o que pode prejudicar a visibilidade nos aeroportos. Após o início da manhã, o sol já deve brilhar forte e a sensação será de calor.

O mar deve voltar a subir, devido a ventos fortes no oceano associado ao deslocamento de uma frente fria e a um ciclone extratropical afastado da costa. Esta ondulação chega às praias do litoral fluminense ao longo do dia. As ondas chegam aos 2 metros de altura e há o risco de ressaca.

Na sexta-feira o mar segue bastante agitado e as temperaturas sobem. O predomínio do sol e do calor continuam durante o sábado e o domingo, ou seja, “vai dar praia” em todo o litoral do Sudeste. Para aproveitar ao máximo os dias mais esperados da semana, o ideal é caprichar na hidratação, já que a umidade relativa do ar pode ficar abaixo de 30% durante as tardes – o que é considerado baixo para áreas litorâneas. E, claro, não esqueça de se proteger do sol. Bom fim de semana e #fotografeotempo!

Veja também:

Mar sobe no Sul e no Sudeste

Tempo firme no Rio de Janeiro
terça-feira, 19 de agosto de 2014

Após uma segunda-feira com muitas nuvens na capital fluminense, a terça-feira não terá muitas mudanças. Com nebulosidade variando ao longo do dia, o sol deve aparecer, mas sem forte intensidade. Apesar de as madrugadas ainda seguirem com temperaturas mais baixas, não faz mais tanto frio quanto na semana passada. Os ventos passam a soprar de norte e transportam um pouco de ar quente para a região. A queda da temperatura ainda ocorre, mas de forma mais fraca.

Na quarta-feira, o sol já aparece um pouco mais e a temperatura sobe gradativamente ao longo do dia, mesmo com madrugada e começo de manhã de temperaturas mais baixas. Na quinta, apesar da presença de névoa no início da manhã, ao longo das horas o ar volta a ficar mais seco e a sensação já vai ser de calor. O mar fica um pouco agitado até sexta-feira, mas nada próximo à ressaca.

A partir de sexta-feira, e também durante o fim de semana, o tempo abre de vez e a temperatura sobe ainda mais. O sol vai brilhar forte e as temperaturas ficam acima de 30º C. Ou seja, as praias deverão ficar lotadas.