Arquivo da Categoria ‘Rio de Janeiro’

+ aumentar e diminuir fonte -
França x Alemanha com muito sol no Maracanã!
quinta-feira, 3 de julho de 2014

por Patrícia Pinheiro

Nesta sexta-feira (4) começam as primeiras partidas das Quartas de Final da Copa do Mundo 2014. Às 13 horas tem a decisão entre França e Alemanha. O jogo acontece no Rio de Janeiro, no tão aclamado estádio do Maracanã. A partida já será quente, pois ambas as seleções precisam ganhar para continuarem na disputa.

Tempo quente também fora dos gramados. A cidade maravilhosa terá uma sexta-feira ensolarado e de calor. A umidade relativa do ar deve ficar entre 40% e 45% no começo da tarde e não há previsão de chuva!

 

Fim de semana

O fim de semana no Rio de Janeiro será de praia. Agradando aos turistas, a cidade carioca terá muito sol e calor tanto no sábado quanto domingo. O mar não estará agitado e as ondas devem ficar em torno de meio metro.

 

Confira as temperaturas para os próximos dias no Rio de Janeiro!

Sol ou chuva na final no Maracanã?
segunda-feira, 30 de junho de 2014

Poucas frentes frias conseguiram tirar o sol do Rio de Janeiro desde o início da Copa no Brasil. Como vai ficar o tempo na final no Maracanã?.

 

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

 

Climatempo News em novos horários
segunda-feira, 30 de junho de 2014

Climatempo News volta aos seus horários normais já nesta segunda-feira, 30 de junho,  com a redução do número de jogos da Copa do Mundo de Futebol 2014 que agora está nas oitavas de final.

Regularmente você tem informação meteorológica ao vivo e com interatividade pelas redes sociais  às 9h30, 12h30, 15h e 17h. Dentro destes jornais fixos você vai continuar acompanhando o Tempo no Jogo, a previsão do tempo detalhada para todos os jogos da Copa 2014 no Brasil.

Mas fique atento porque o tempo não para e a informação da Climatempo também não! Assim, outros boletins poderão ocorrer a qualquer momento, sempre ao vivo no portal da Climatempo, pelas redes sociais e pala Oi TV.

 

Frente fria muda o tempo no Rio de Janeiro
domingo, 29 de junho de 2014

Depois de um fim de semana de sol e calor, uma frente fria passa pelo Rio de Janeiro e muda o tempo. Parte da nebulosidade desta frente fria já podia ser observada se espalhando sobre o Rio de Janeiro neste domingo, mas não tinha sinal de chuva. A temperatura voltou a superar os 30°C na tarde do domingo. 

 

 

Se você está querendo chuva forte e frio, então o tempo não estará bom para você esta semana. Esta frente fria que passa pelo Rio de Janeiro provoca muitas nuvens, chuva fraca e uma ligeira queda da temperatura. A semana até começa fresquinha, mas termina quente.

Cariocas e fluminenses vão sentir grande variação da temperatura entre o começo e o fim da semana.

Confira a previsão para o Rio de Janeiro

Quer saber como será o tempo na final da Copa do Mundo no Maracanã?

É Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

Tempo contra a sua saúde
quarta-feira, 25 de junho de 2014

Céu azul, ar parado, um solzinho gostoso desde cedo. Aparentemente um dia assim parece maravilhoso. Pode ser ou não. Dias com estas condições meteorológicas podem esconder o lado ruim do tempo: um dia de céu azul significa que o ar está seco. O ar parado ajuda a concentrar a poeira, a poluição em geral.

É exatamente assim que a Grande São Paulo está e vai continuar por mais alguns dias.

- pelos registros do Instituto Nacional de Meteorologia, a última chuva que realmente molhou a cidade caiu entre os dias 5 e 7 de junho, somando 9,5 mm.

- um bloqueio atmosférico impede a chegada das frentes frias à São Paulo.

- o sistema de alta pressão atmosférica que causa este bloqueio deixa o ar parado e mais seco.

- a umidade relativa do ar na tarde desta quarta-feira chegou a 30% na região do aeroporto de Congonhas. O menor nível na terça foi de 36%.

- a qualidade do ar vem piorando desde o começo da semana. Pela avaliação da Cetesb, a qualidade do ar nesta quarta-feira foi moderada em praticamente toda a Grande São Paulo e na capital. Pinheiros e a região da ponte dos Remédios (marginal Tietê) terminaram o dia com qualidade do ar ruim.

- na Baixada Santista, Cubatão (vila Parisi) e Santos (ponta da praia) foram avaliadas como muito ruim.

- a falta de chuva e de vento deixam o ar que você respira mais empoeirado, sujo.  Os problemas respiratórios em geral pioram, os olhos podem ficar mais irritados e a pele fica mais suja.

Entenda a escala da Cetesb


Veja o que o doutor  Sergio Vaisman sobre os efeitos da poluição na nossa saúde:

-

Gosta de futebol?

Conheça o Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

O bloqueio atmosférico e o seu bem estar
quarta-feira, 25 de junho de 2014

O lado bom e o ruim do bloqueio atmosférico

O bloqueio atmosférico observado atualmente sobre a América do Sul está forçando a formação de nuvens muito carregadas sobre o Sul do Brasil, onde a chuva caiu forte em muitas áreas do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e do sudoeste/sul do Paraná.

O bloqueio está forte e nesta quarta-feira proporcionou um grande contraste de tempo no sudoeste do Paraná. Numa diferença de menos de 100 km tínhamos muita chuva e sol.

Ao mesmo tempo, o ar polar das frentes frias está sendo bloqueado e não consegue avançar sobre o Sul do Brasil e nem chegar ao Sudeste ou ao Centro-Oeste.

O bloqueio atmosférico está associado a presença de um grande sistema de alta pressão atmosférica nos níveis médios e altos da atmosfera, que causa uma forte subsidência do ar. Isto faz com que o ar fica muito seco no Sudeste e no Centro-Oeste do  Brasil.

Durante a edição das 15h do Climatempo News, jornal meteorológico que vai ao ar ao vivo pelo portal da Climatempo e pelas redes sociais, através dos comentários de vários internautas, a meteorologista Josélia Pegorim mostrou os diferentes efeitos provocados pelo bloqueio atmosférico na vida das pessoas. Ele vem fazendo a felicidade de uns e irritando outros

A força do bloqueio no Paraná.

O internauta Giovani Patzlaff comentrou: “… olha o céu aqui em Itaipulândia oeste do PR!A chuva não quer vir para cá! Foz do Iguaçu fica a  70km daqui e tem pancadas de chuva desde ontem.Há risco de temporal por aqui?”

A foto foi tirada ás 15h04 de 25 de junho de 2014. A sequência de imagens de satélite mostra que as nuvens mais carregadas (azul claro, branco) chegaram perto de Itaipulândia e recuaram. A força do bloqueio deixou Giovani ansioso!

 

 

Bloqueio do ar polar

No Rio de Janeiro, o internauta  Eduardo Mendonça comentou: “Os cariocas que gostam de frio estão sofrendo nesse início de inverno. Sol forte e 32°C às 13h. Esse calor já é efeito do El Niño? Quando vem chuva?”

O bloqueio atmosférico impede a chegada do ar polar ao Rio de Janeiro deixando Eduardo infeliz com o tempo. Calor, sol forte e umidade abaixo do normal no Rio vão predominar por mais alguns dias.

 

 

Ar seco e falta de chuva

De Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, Jennifer Grandcese comentou: “ ..gostaria de saber se esse tempo seco irá continuar aqui em Petrópolis, Rio. Pois eu tenho alergia na pele quando há muita umidade do ar. Jô, eu sofro de urticárias por causa da alta umidade, e piora meu quadro de bronquite e sinusite, um terror. Estou amando esse tempo seco, que continue!”

A forte subsidência provocada pelo sistema de alta pressão deixa o Estado do Rio de Janeiro com ar seco. Jennifer está muito feliz!

 

Moral da história: não existe tempo bom ou ruim. Chuva, sol, frio e calor podem ser bons ou ruins. Depende da nossa expectativa. 

 Veja a edição completa do Climatempo News 15h – 25/6/2014

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

Até quando vai esse calorzinho no Rio de Janeiro?
terça-feira, 24 de junho de 2014

O ar ficou mais seco e quente sobre o Rio de Janeiro nesta terça-feira. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 30,2°C de temperatura máxima contra 25,8°C na segunda-feira, 23 de junho. O aeroporto Santos Dumont registrou 40% de umidade no ar na tarde desta terça-feira e no Campo dos Afonsos, na zona oeste, o nível de umidade baixou para 38%.

Com o ar mais seco, menos nuvens se formaram sobre Estado do Rio de Janeiro e a capital fluminense também passou o dia com céu quase todo azul.

O predomínio da cor escura indica pouca ou nenhuma nebulosidade

O tempo seco vai predominar no Rio de Janeiro por mais alguns dias. A tendência é de que a umidade caia um pouco mais. O ar parado ajuda a aumentar a poluição.

Frio à vista?

A circulação dos ventos sobre a América do Sul, em vários níveis atmosféricos, está impedindo que as frentes frias e ar polar passem do Sul para o Sudeste do Brasil. O ar polar está sendo retido na Argentina. Esta situação não deve mudar por enquanto.

Veja o gráfico de temperatura para o Rio e Janeiro.

As nuvens sumiram do Rio de Janeiro
terça-feira, 24 de junho de 2014

Uma grande massa de ar seco se intensifica sobre o Brasil e causa um bloqueio na atmosfera dificultando a passagem das frentes frias do Sul para o Sudeste.

No decorrer desta semana, as nuvens carregadas e o ar polar das frentes frias vão passar longe do Rio de Janeiro. Assim, a temperatura tende a subir e o nível de umidade do ar vai baixar. Menos umidade, menos nuvens e muito sol para o Rio de Janeiro.

Nesta imagem de satélite, das 11h15 da manhã de 24 de junho de 2014, o tom escuro indica pouca ou nenhuma nebulosidade sobre o Estado do Rio de Janeiro. Pequena quantidade de nuvens (manchas cinzas) aparece em parte do interior do Estado. A ausência de nuvens é consequência da forte subsidência do ar.

Confira a previsão da temperatura para o Rio de Janeiro nos próximos dias

Alta pressão

Esta massa de ar seco que já atua sobre grande parte do Brasil está associada é caracterizada por um sistema de alta pressão atmosférica que causa a subsidência do ar e a inversão térmica.

Saiba o que é subsidência e inversão térmica

Tem jogo no Maracanã nesta quarta-feira. Confira o Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

Rio de Janeiro: possível recorde de frio no domingo
sexta-feira, 20 de junho de 2014

Uma forte massa de ar polar entrou no centro-sul do Brasil espalhando o frio também para o Sudeste no finalzinho do outono. A tarde de sexta-feira, 20 de junho, foi a mais fria de 2014 até agora em São Paulo e também em Vitória. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou a temperatura máxima de 21,9°C em Vitória e de 16,6°C na capital paulista.

Esta forte massa de ar polar ainda vai dar manchete neste fim de semana provocando um recorde de frio no Rio de Janeiro. A previsão é de que a temperatura mínima chegue aos 11°C no domingo. Se isto acontecer, teremos o amanhecer mais frio de 2014 no Rio. Esta temperatura poderá ocorrer nas áreas mais elevadas da cidade ou distantes do centro. Atualmente, segundo o Inmet, a menor temperatura registrada no Rio de Janeiro foi de 12,0°C no dia 30 de abril.

O inverno começa oficialmente neste sábado, 21 de junho, às 7h51, pelo horário de Brasília.

A umidade no Sudeste diminui e o sol deve aparecer na cidade do Rio de Janeiro.

 

Tem jogo no Maracanã no domingo. Confira a previsão!

 

 

 

Veja os recordes de frio que já ocorram neste feriadão.

 

O mar fica menos agitado. Confira as ondas.

 

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

Agitação marítima diminui no fim de semana
sexta-feira, 20 de junho de 2014

 

Um forte swell de sul passou pelo litoral do Sul e do Sudeste do Brasil deixando mar muito agitado no começo do feriado prolongado de Corpus Christi.  Segundo análise do site ricosurf.globo.com, as ondas na sexta-feira, 20 de junho, alcançaram picos de 2,5 metros em praias do Rio de Janeiro e de Niterói. O swell se afasta e as ondas diminuem.  Por causa da presença do ar polar, a temperatura segue baixa, mas o sol já aparece no fim de semana no litoral do Sudeste, entre muitas nuvens

Confira a previsão da altura e da direção das ondas no litoral do Sul e do Sudeste para o primeiro fim de semana do inverno com a meteorologista Josélia Pegorim

 

 

 

 

 

 

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

 

Saiba como o swell e a ressaca se formam.