Posts com a Tag ‘Cuiabá’

+ aumentar e diminuir fonte -
Sol, calor e umidade baixa em Cuiabá (MT)
quarta-feira, 30 de julho de 2014

A massa de ar seco e quente que cobre Mato Grosso garante uma tarde de sol, calor e umidade baixa em Cuiabá nesta quarta-feira. No momento (14h local) os termômetros registram 34 graus no aeroporto Marechal Rondon, onde a umidade relativa do ar está em torno de 32%.

Sol e calor em Cuiabá (MT)
quarta-feira, 30 de julho de 2014

Com o céu praticamente sem nuvens, o sol está brilhando forte desde cedo em Mato Grosso e a temperatura subiu rapidamente. Em Cuiabá agora faz 32ºC.

Tempo firme em Cuiabá (MT)
terça-feira, 29 de julho de 2014

A massa de ar seco que voltou a ganhar força em Cuiabá garante um começo de noite com tempo firme em Cuiabá nesta terça-feira. Há poucas nuvens na capital e os termômetros registram 27 graus no aeroporto Marechal Rondon.

Nevoeiro em Cuiabá (MT)
segunda-feira, 28 de julho de 2014

O aeroporto de Cuiabá no estado de Mato Grosso registra formação de nevoeiro que restringe a visibilidade a 300m. O vento está calmo, o céu está completamente encoberto por nuvens baixas e a temperatura é de 18 graus.

Chuvisco em Cuiabá (MT)
domingo, 27 de julho de 2014

O aeroporto de Cuiabá no estado de Mato Grosso registra chuvisco que reduz a visibilidade a 3000m. O céu está completamente encoberto por nuvens baixas, o vento sopra fraco de sul e a temperatura é de 18 graus.

Névoa úmida e céu encoberto em Cuiabá (MT)
sábado, 26 de julho de 2014

O aeroporto de Cuiabá no estado de Mato Grosso registra formação de névoa úmida que reduz a visibilidade a 4000m. O vento sopra fraco de sul, o céu está completamente encoberto por nuvens baixas e a temperatura é de 17 graus.

Mais um dia úmido e frio em Cuiabá (MT)
sábado, 26 de julho de 2014

O ar polar e a nebulosidade de uma frente fria permanecem sobre a região de Cuiabá. Ao meio-dia (de Brasília) a temperatura era de 17°C, segundo o Inmet.

Sexta de recordes de frio
sexta-feira, 25 de julho de 2014

A grande frente fria que invadiu o Brasil esta semana trouxe muita chuva, ventania e também muito frio. Sua forte massa de ar polar continental espalhou ar frio sobre o Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil. Várias capitais registraram recordes de frio para 2014 na sexta-feira, 25 de julho. Foram recordes de madrugada ou de tarde mais fria do ano. Cuiabá, capital de Mato Grosso, teve duplo recorde de frio.

O ar polar foi sentido nesta sexta-feira até em Brasília, que teve a segunda tarde mais fria de 2014, até agora, com máxima de 21,5°C. O recorde de menor temperatura máxima em Brasília é de 21,4°C, em 3 de abril.

Confira quais capitais bateram recordes de baixas temperaturas, pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia.

 

 

Fim de semana frio

O ar polar ainda será sentido no fim de semana por todo o Sul, no Sudeste e no Centro-Oeste. Os Estados do Acre e de Rondônia também vão continuar sentindo a friagem, neste sábado, mas já aquecem no domingo. No Sul, o frio intenso vai provocar geada que pode ser forte. Muitas áreas terão temperatura abaixo de zero.

 

Frio bate recorde em Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS)
sexta-feira, 25 de julho de 2014

Novos recordes de frio em Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS)

O ar polar entrou forte sobre o Mato Grosso do Sul e o Mato Grosso derrubando a temperatura. As duas capitais dos estados, Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS) registraram novos recordes de frio nesta sexta-feira. Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura mínima em Cuiabá foi de 12,5°C. O recorde anterior era de 13,9°C, em 24 de maio de 2014. Em Campo Grande, a mínima foi de 7,7°C, igualando o recorde do dia 30 de junho.

 

A grande frente fria que avançou sobre o Brasil provocou chuva volumosa e em generalizada sobre Centro-Oeste, como não se via há muito tempo. Mas o ar polar que veio com esta frente fria também foi muito forte e invadiu Mato Grosso do Sul e quase todo Mato Grosso provocando uma queda da temperatura muito acentuada. O ar polar também começou a sentido com força no sul de Goiás.

Não deve haver mais recordes neste sábado. A nebulosidade tende a aumentar sobre Cuiabá e Campo Grande, o que vai evitar um resfriamento mais acentuado na madrugada.

Geada em Mato Grosso do Sul

O frio foi intenso em Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira, com temperaturas abaixo dos 5°C no sul do Estado. Há condições para geada neste sábado. A temperatura sobe no domingo e não deve haver geada.

 

Frio aumenta e bate recorde em MS e MT
quinta-feira, 24 de julho de 2014

A grande frente fria que está avançando sobre o Brasil deixou sua marca profunda em Mato Grosso do Sul e também no centro-oeste e sul de Mato Grosso. A chuva veio forte e volumosa, especialmente em Mato Grosso do Sul, com muito vento. A ventania causou estragos em Rondonópolis (MT).

O ar polar da frente fria também chegou forte e as temperaturas baixaram muito entre quarta e quinta-feira. Às 19 horas desta quinta-feira, hora de Brasília, o aeroporto de Cuiabá, capital de Mato Grosso, marcava 13°C, mas a sensação térmica era de apenas 8°C. Estava fazendo mais frio nesta hora em Cuiabá em muitas áreas do Sul. Em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, a temperatura às 19 horas era de 11°C, mas com sensação térmica de 4°C. Em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, a temperatura no aeroporto local era de 9°C, com sensação de 2°C.

Mas o frio vai aumentar nesta sexta-feira. O ar polar atua forte sobre o Mato Grosso do Sul e também no centro-sul e oeste de Mato Grosso. Vai esfriar mais no sul de Goiás. As capitais Campo Grande e Cuiabá devem registrar novos recordes de frio nesta sexta-feira. No sul de Mato Grosso, o frio intenso poderá provocar geada.

 

 

Confira a previsão para o Centro-Oeste.

Será que o frio polar chega forte até Brasília? Veja o comentário da meteorologista Josélia Pegorim