Posts com a Tag ‘Nordeste’

+ aumentar e diminuir fonte -
Chuva vai aumentar na Bahia
terça-feira, 29 de julho de 2014

Os ventos úmidos que sopram do mar em direção ao continente associados com o ar quente que chega do interior nordestino, favorecem a formação de nuvens carregadas e provocam pancadas de chuva no leste da Bahia. Porto Seguro já teve chuva com intensidade de fraca a moderada durante o final da manhã até o início da tarde de terça-feira (29).

As previsões indicam mais chuva para toda a faixa leste nordestina na quarta-feira (30). A presença de uma frente fria intensificam as áreas de instabilidade e deixam o céu com muitas nuvens. A chuva ganha força e há previsão de chuva forte principalmente ao longo da tarde. Os volumes acumulados sobem e há potencial para alagamentos.

Mapa de previsão de chuva para os próximos 5 dias

Chuva diminui em Natal. Umidade aumenta no Maranhão.
segunda-feira, 28 de julho de 2014

O Nordeste do Brasil está terminando julho com muitos contrastes de umidade e de temperatura. Algumas áreas da Região tiveram calor de 40°C entraram em alerta por causa do ar muito seco. Outras, muita chuva e umidade elevada. No decorrer desta semana, a chuva pode causar problemas em áreas do litoral da Bahia, de Sergipe e de Alagoas por causa da chegada de uma nova frente fria.

 

Recorde de frio em Teresina (PI)

A madrugada desta segunda-feira, 28 de julho, foi a mais fria do ano em Teresina, capital do Piauí. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou a temperatura mínima de 18,1°C. O recorde anterior era de 18,8,°C, em 8 de julho.

 

Chuva diminui em Natal

Áreas de instabilidade se intensificaram na costa leste do Nordeste provocando chuva forte e volumosa sobre Natal. A chuva alagou áreas de Natal nesta segunda-feira. Em um ponto da cidade, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou quase 56 mm de chuva acumulados entre o fim da manhã e 21 horas.

As áreas de instabilidade estão enfraquecendo e a chuva diminui nesta terça-feira. Ainda pode chover de forma moderada na madrugada.

 

 

 

Ar muito seco no sul do Maranhão]

Em Carolina, no sul do Maranhão, a temperatura chegou aos 40°C e a umidade relativa baixou para 14%, às 17h na região do aeroporto local.

A região de Carolina passou a tarde desta segunda-feira em situação de alerta, por causa do ar muito seco. O nível de umidade do ar ficou entre 12% e 20% no período entre 13h e 17h. A estação automática do Inmet  registrou 13% de umidade no ar .

Todo o sul do Maranhão passou horas em alerta por causa do ar muito seco na tarde desta segunda-feira. Em Balsas,  pela medição do Inmet, o nível de umidade do ar ficou na faixa do alerta entre 13h e 17h.O menor índice foi de 17%. A temperatura em Balsas alcançou 36,8°C. Em Estreito, a umidade relativa do ar ficou entre 12% e 20% entre 14h e 16h. O menor índice foi de 18%. A temperatura em Estreito chegou aos 37,6°C.

Nesta terça-feira, o ar fica menos seco sobre o Maranhão. Um pouco do ar muito úmido que se espalhou pelo leste da Região e chegou até ao sertão também avança até o sul do Maranhão. Não há expectativa de chuva, mas o aumento da umidade dará um alívio para a população.

Instabilidade chega ao sertão de Pernambuco
segunda-feira, 28 de julho de 2014

Numa formação atípica de nuvens ao largo da costa leste do Nordeste, provocada pelo contraste de temperatura entre a superfície do mar e a massa de ar mais frio, e pelo vento persistente de leste, áreas de instabilidade se organizaram entre o fim de noite e início da madrugada e avançaram sobre os estados da Paraíba e Pernambuco, provocando pancadas de chuva. Volume acumulado de chuva durante a madrugada ficou entre 10 e 30mm nas localidades como Recife, Ibimirim, Arcoverde, Caruaru e Garanhuns, em Pernambuco, e também em João Pessoa e Campina Grande, na Paraíba. A instabilidade avança para o sertão e pancadas de chuva com moderada intensidade foi registrada em Petrolina no fim de madrugada. A chuva é pouco comum nesta região nesta época, e a média mensal de julho não passa de 10mm.

Aracaju e Maceió em alerta para muita chuva
terça-feira, 15 de julho de 2014

por Maria Clara Machado

A terça-feira foi marcada por muitas nuvens e chuva frequente em várias áreas de Sergipe e de Alagoas, inclusive nas capitais, Aracaju e Maceió.  Até 21h , os volumes mais expressivos acumulados em 24 horas foram de 43,8 mm em Coruripe (AL), 27 mm em Acaraju, capital de Sergipe e 22,6 mm em Arapiraca (AL).

Mas as imagens de satélite do fim da tarde e começo da noite desta terça-feira começaram a mostrar a intensificação das áreas de instabilidade na costa de Sergipe. 

A recente passagem de uma frente fria intensificou os ventos na costa leste do Nordeste aumentando a instabilidade nestes dois Estados. A Climatempo alerta para chuvas fortes e volumosas pelo menos até a próxima quinta-feira (17). Os grandes volumes acumulados poderão causar transtornos como alagamentos especialmente nas capitais Aracaju e Maceió e em outras áreas litorâneas da região.

O mapa de chuva acumulada indica volumes de 100 milímetros para o litoral de Sergipe e de Alagoas até o dia 20 de julho.

 

 

Chuva diminui em Recife (PE)
segunda-feira, 14 de julho de 2014

As áreas de instabilidade enfraqueceram no litoral de Pernambuco e a chuva diminuiu em Recife. No final da noite do domingo ainda choveu de forma moderada em algumas áreas da cidade, mas a segunda-feira amanheceu com sol e sem chuva.

Chuva recorde em 24h no fim de semana

Choveu muito em Recife no fim de semana. Entre 9 horas do dia 12 e 9 horas do dia 13 de julho, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 106,4 mm. Foi a maior quantidade de chuva em 24 horas este ano na capital pernambucana. Este volume de chuva

Apesar desta chuva intensa, o volume de chuva em julho ainda está bastante abaixo da média normal. Historicamente julho é o segundo mês mais chuvoso do ano, com média de chuva de aproximadamente 386 mm. Em 13 dias o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 148 mm, 38% da média normal.

Sol e pancadas de chuva

No decorrer desta segunda-feira, Recife tem sol, mas as pancadas de chuva voltam a acontecer a qualquer hora. Não há expectativa de temporal, mas em alguns momentos pode chover com moderada intensidade.

 

 

Veja quanto já choveu em julho nas capitais do Nordeste, pelas medições do Inmet.

 

Chuva forte no litoral do Nordeste entre AL e o RN
sábado, 12 de julho de 2014

Áreas de instabilidade no oceano favorecem a formação de nuvens carregadas que avançam para o leste do Nordeste. A Climatempo alerta para o risco de chuvas moderadas a fortes no litoral entre Alagoas e o Rio Grande do Norte durante a tarde deste sábado e ao longo do domingo.

Litoral do Nordeste em atenção para mais chuva
quarta-feira, 9 de julho de 2014

Áreas de instabilidade crescem no oceano espalhando nuvens carregadas em regiões próximas do litoral de vários estados do Nordeste.

Nas imagens de satélite, as nuvens carregadas aparecem em manchas azuladas e brancas. Ao que tudo indica, o núcleo mais à direita, que está ainda afastado sobre o oceano, pertence a uma Onda de Leste que deve chegar à costa leste do Nordeste no fim de semana.

 

 

A situação é de atenção na costa norte entre o Maranhão e o Rio Grande do Norte e a costa leste, entre o Rio Grande do Norte e Pernambuco. Nos próximos dias, há risco de eventos de chuva forte.

Nos mapas, as manchas coloridas indicam áreas de chuva. Os tons em amarelo, alaranjado e vermelho indicam chuva moderada a forte.

 

 

 

Veja o quanto choveu nas capitais do Nordeste em junho. A chuva ficou muito acima da média em Natal por causa da chuva de uma Onda de Leste.

 

Nordeste também tem frio de 10°C!
segunda-feira, 30 de junho de 2014

Por Maria Clara Machado

Quem pensa que não faz frio no Nordeste está enganado. Em cidades do interior da Bahia as noites estreladas vêm favorecendo a queda acentuada de temperatura.  Quem mora no sul e oeste do estado está comentando o assunto.

Na manhã desta segunda-feira (30), o frio em Correntina, no oeste baiano surpreendeu e chegou a 10,6°C, segundo a estação convencional do Instituto Nacional de Meteorologia. Outros valores baixos de temperatura foram registrados nesta manhã. Fez 13,2°C em Vitória da Conquista e 14,3°C em Irece e Barreiras.

Em todas essas áreas os dias têm sido de grande amplitude térmica. Apesar do frio da madrugada, os termômetros passam facilmente dos 30°C durante as tardes. Em Barreiras por exemplo, a temperatura já chegou aos 33°C nesta tarde.

Quer saber mais? Confira no Explicando o Tempo!

Gosta de futebol? Acompanhe o Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo

Melhores arraiás do Brasil
sexta-feira, 27 de junho de 2014

por Patrícia Pinheiro

O mês famoso e querido pelas festas juninas está chegando ao fim, mas ainda dá tempo de curtir as mais famosas festas espalhadas pelo Brasil todo!
A Festa Junina, também chamada de Festa de São João, é típica da Região Nordeste, pois como a região é muito árida as festas são uma forma de agradecimento pelas chuvas caídas na lavouras.

E que tal aproveitar o fim de semana e dançar quadrilha pelo Brasil? Confira nossa lista e corra pro arraial:

 - A cidade de Caruaru, Pernambuco, tem o famoso São João de Caruaru. O evento, que conta com mais de 350 atrações, acontece nesta sexta, sábado e domingo. Grandes nomes da música brasileira como Elba Ramalho, Fagner e  Zé Ramalho são presenças confirmadas!
O fim de semana em Caruaru será de tempo quente, mas um pouco instável. As noites serão abafadas e a chuva pode chegar a qualquer hora, mas nada que possa estragar sua festa, pois não serão intensas!

- Outra festa muito famosa é a São João do Maranhão. Localizada na capital do Maranhão, a festa toma conta de São Luís entre os dias 19 e 29. Espalhada por toda a capital, a programação conta com mais de 1000 apresentações, e o cantor Alceu Valença deve fechar toda a comemoração no domingo, 29.
O tempo em São Luís também será um pouco instável. O fim de semana tem risco de chuva a qualquer hora, podendo ser forte, mas a festa conta com muita programação em locais fechados, então não desanima, não!

 - Em Teresina a festa rola solta com o São João de Teresina 2014. Com o intuito de transformar a festa em uma das maiores do Nordeste este ano o evento está mais incrementado e teve aumento da grade de atrações. Entre as novidades está a o famoso encontro de Bumba-Meu-Boi, festa que está marcada para acontecer no dia 4 de julho.
O fim de semana vai ser propício para curtir muito: com dias bem quentes e muito sol, as pancadas de chuva chegam mais para o fim da tarde, mas nada que possa estragar sua comemoração!

 - A cidade de Campina Grande, município da Paraíba,  traz “O Maior São João do Mundo” que faz parte dos festivais mais importantes da cultura do Nordeste. A festa vai até dia 6 de julho e o público esperado é de mais de 2 milhões de pessoas. Você não vai ficar por fora desta, não é?
A previsão do tempo para sábado em Campina Grande é de muito sol, com possibilidade de chuva fraca e passageira. Já no domingo, o tempo fica um pouco mais instável e com previsão de pancadas de chuva mais forte a qualquer hora!

-

Gosta de futebol?

Acompanhe o Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!Participe! Clique o tempo na Copa e publique nas redes sociais com a hashtag-> #temponojogo

Chuva preocupa em Recife
quinta-feira, 26 de junho de 2014

Áreas de instabilidade se intensificam no leste do Nordeste deixando as nuvens mais carregadas no litoral de Pernambuco. Em Recife, a chuva ganhou força no fim da madrugada desta quinta-feira e em apenas 4 horas, entre 5 horas e 9 horas, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 70,2 mm. O acumulado entre 9 horas do dia 25 e 9 horas do dia 26 de junho estava em 79,6 mm.

A situação é preocupante porque estas áreas de instabilidade vão continuar ativas no decorrer desta quinta-feira provocando mais chuva. Já há notícias de que várias áreas de Recife estão alagadas e a situação ainda é preocupante pois essa chuva não tem hora para parar.


Gosta de futebol? ->

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo