Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Sete graus abaixo de zero Sudeste

30/07/2015 às 12:22
por Josélia Pegorim

Atualizado 30/07/2015 às 14:28

Muitas áreas na Região Sudeste voltaram a registrar baixas temperaturas na madrugada nesta quinta-feira, com marcas abaixo dos 5,0°C. Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura chegou aos 2,2°C em Monte Verde, no Sul de Minas Gerais. Esta foi a menor temperatura no Brasil em 30 de julho, em lugares habitados.

Diversas cidades do Estado de São Paulo registram temperaturas abaixo dos 10°C. As mais baixas foram em Barra do Turvo, com 4,6°C, em Campos do Jordão, que teve mínima de 4,8°C e geada fraca, e também São Miguel Arcanjo, onde a temperatura chegou aos 4,9°C.

 

 

O frio foi ainda muito mais intenso nas regiões elevadas do Parque Nacional de Itatiaia, na região de Resende, no sul do Estado do Rio de Janeiro. Uma estação meteorológica automática instalada a uma altitude de 2438 m de altitude registrou a temperatura de 7,0°C negativos. A parte externa da estação ficou completamente envolta no gelo. O branco da forte geada cobriu os campos.

 

 

 

 

 

Frio de subsidência

Um grande sistema de alta pressão atmosférica atua sobre o Brasil e determina as condições do tempo em quase todo o país. A alta pressão atmosférica aumenta a subsidência do ar (movimento do ar de cima para baixo) que reduz a umidade do ar e dificulta a formação de nuvens. As noites também ficam com pouca ou nenhuma nebulosidade e a falta de nuvens faz com que o ar fique mais frio durante a noite. Esta situação vai continuar ocorrendo por mais alguns dias no Sudeste, que ainda poderá ter temperaturas abaixo dos 10°C pelo menos até o domingo. Apesar do frio da madrugada, as tardes ficam até quentes.

Este efeito de subsidência também deixa as madrugadas frias em estados do centro-norte do Brasil, embora as temperaturas não fiquem tão baixas como no Sul e no Sudeste.