Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

El Niño roubou o sol do Sul em novembro

01/12/2015 às 11:59
por Josélia Pegorim

O mês de novembro foi marcado por excesso de nebulosidade e chuva sobre os estados da Região Sul. Temporais, tornados e enchentes causaram grandes prejuízos materiais para a população do Sul do Brasil e também a perda de algumas vidas.

 

 

 

Excesso de chuva significa também excesso de nebulosidade. Isto gerou um outro problema: a falta de sol. A presença do sol diariamente é muito importante para o desenvolvimento agrícola, para a saúde das pessoas (fixação da vitamina D no corpo), para o lazer e facilitar e até permitir diversas atividades diárias. A falta do sol, ou de luminosidade solar, altera também o humor das pessoas.

A chuva e a grande quantidade de nuvens observada durante todo o mês de novembro sobre o Sul do Brasil foram os fatores principais para a baixa insolação (números de horas de sol) e também a temperatura média abaixo do normal em praticamente todo o Sul do Brasil.

O mapa mostra a anomalia (diferença em relação à média) de chuva em novembro de 2015 na Região Sul do Brasil. Os tons de azul representam chuva acima do normal.

 

Curitiba: menor quantidade de sol em 17 anos

Em Curitiba, capital o Paraná, o total de insolação em novembro de 2015 foi de 60,2 horas. Isto representa apenas 40% da média normal de horas de sol para novembro. A insolação em novembro de 2015 foi a mais baixa dentre todos os meses em 17 anos, desde setembro de 1998 quando a capital paranaense teve apenas 57,3 horas de sol. O ano de 1998 foi um ano de El Niño forte.

Florianópolis teve cerca de 51% da quantidade média de horas de sol para o mês de novembro. Em Porto Alegre, a situação foi menos pior. Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia, a capital gaúcha teve quase 141 horas de insolação em novembro de 2015, o que corresponde a 61% da média histórica de novembro.

 

 

 

Levantamento feito pelo Epagri-Ciram de Santa Catarina, mostrou que na região das cidades de Joinville e de Garuva choveu em todos os 30 dias de novembro de 2015. Em Florianópolis, ainda segundo estas instituições, choveu em 23 dos 30 dias de novembro de 2015.

Sabe quem roubou o sol do Sul do Brasil? Foi o El Niño. Esta é uma das “travessuras” desta anomalia oceânica-atmosférica que vem atuando forte na primavera de 2015 e que ainda terá atuação intensa sobre o Sul no verão 2015/2016.

 

 

 

 

Segundo o Inmet, a média da temperatura máxima em novembro de 2015 ficou 0,3°C abaixo do normal em Curitiba, 0,5°C acima da média para o mês em Florianópolis e 1,0°C abaixo da média de novembro em Porto Alegre.

 

Quando o El Niño vai acabar?

 

Entenda como o El Niño aumenta a chuva no Sul