Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Cantareira sobe cada vez mais

08/12/2015 às 15:32
por Josélia Pegorim

As chuvas mais frequentes de novembro e do início de dezembro tiveram um efeito muito positivo no aumento do nível de armazenamento do Sistema Cantareira. Pela medição da Sabesp, o nível de água em 1 de dezembro de 2015, sem usar a reserva técnica, era de 9,7% “negativo”, isto é, abaixo do limite mínimo do volume útil normal. No dia 8 de dezembro este índice era de 7,4% “negativo”. Houve um aumento de 2,3%. Isto significa que a diferença para chegar ao volume útil está diminuindo!

Este índice “negativo” é porcentagem do volume armazenado sem a reserva técnica, em relação ao volume útil.

 

 

A Sabesp começou a divulgar este índice em 16 de abril de 2015. No auge do nível “fundo do poço”, este índice chegou a 14,3% negativo em 6 de setembro de 2015. A partir daí, com as pancadas de chuva voltando a ocorrer com maior frequência, o nível foi subindo. Nestes últimos três meses, este índice teve quedas e elevações, mas nunca mais atingiu uma marca tão baixa como em de setembro.

 

Nível do Cantareira sem a reserva técnica

16/abr/15:-9,3%

14/set/15: -14,3%

28/nov/15: -10,1%

04/dez/15: -9,4%

07/dez/15: -8,1%

08/dez/15: -7,4%

 

Mais chuva está sendo esperada até fim da semana para toda a região das represas do Cantareira, como para a Grande São Paulo. As pancadas podem ser fortes. Durante a segunda quinzena de dezembro, a chuva deve diminuir e o nível do Cantareira pode não subir por alguns dias, mas não há expectativa de seca como no começo do ano ou em 2014.