Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Centro-Oeste - tendência climática para o verão 2016

18/12/2015 às 17:17
por Josélia Pegorim

Atualizado 18/12/2015 às 17:20

A Região Centro-Oeste do Brasil tem um regime de chuva anual fortemente concentrado na primavera-verão. O período de novembro a fevereiro é o mais chuvoso em praticamente toda a Região. Os volumes mensais médios são elevados especialmente no verão e em geral superam os 200 mm.

Os bloqueios atmosféricos dos dois últimos verões 2013/2014 e 2014/2015 também tiveram impacto no Centro-Oeste reduzindo o volume de chuva, ou deixando a chuva muito irregular. Os bloqueios interferiram na formação da ZCAS, Zona de Convergência do Atlântico Sul que atuou fraca dos últimos dois verões.

O bloqueio atmosférico do início de 2015 causou forte redução na chuva do Centro-Oeste. Mas o surgimento do fenômeno El Niño no decorrer de 2015 trouxe novas mudanças no regime de chuva. O sul de Mato Grosso do Sul é uma das regiões do país que vem sofreu durante a primavera com as mudanças causadas pelo El Niño. O volume de chuva muito acima do normal destruiu estradas e barragens na região, além de prejudicar a agricultura.

O fenômeno El Niño de 2015, um dos mais fortes já observados desde os anos 1950, terá forte influência sobre o Brasil no verão 2016. A nova estação começa oficialmente no dia 22 de dezembro, às 2h48, pelo horário de Brasília. Como o El Niño vai atuar no verão do Centro-Oeste? A chuva dará uma trégua ao sul de Mato Grosso do Sul? E as temperaturas?

 

 

 

Confira a análise do meteorologista Alexandre Nascimento.