Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

SP tem maior chuva em 24 horas desde 2012

26/12/2015 às 14:52
por Aline Tochio

Na tarde da última sexta-feira (25), nuvens muito carregadas se formaram sobre a região metropolitana da capital paulista por causa do ar quente e úmido. Fortes pancadas de chuva atingiram várias áreas da Grande SP e também a capital. De acordo com medições oficiais do INMET,  entre 09h de sexta e 09h deste sábado (26), foram acumulados 94,8 mm de chuva na estação do Mirante de Santana, zona norte da capital. Está é a maior precipitação em 24h na cidade de São Paulo desde 15/12/2012, quando foram registrados 114,3 mm. Segundo informações do INMET, a forte chuva ocorreu em menos de duas horas, entre as 16h e 18h (hora local) e foi acompanhada de raios e rajadas de vento, que chegaram a 93 km/h. Por causa da chuva, a temperatura teve uma queda abrupta. Entre 15h e 18h a temperatura despencou de 31,0°C para 17,8°C.

 

Somando toda a chuva que caiu na estação oficial do INMET no mês de dezembro, a capital já acumula cerca de 250 mm(até as 09h da manhã deste sábado). A média normal de chuva para o mês é de 202 mm.

 

O Centro de Gerenciamento de Emergências da cidade de São Paulo (CGE) também registrou volumes altos de chuva. Os maiores acumulados foram:

 

Aricanduva/Formosa - 46,6mm

Penha/Rincão - 43,0mm

Vila Maria/Guilherme - 39,2mm

Tremembé - 29,2mm

São Mateus - 29,0mm

Santana/Tucuruvi - 28,0mm

Itaim Paulista - 24,2mm

São Miguel Paulista - 22,6mm

 

Ainda de acordo com o CGE, nas áreas de medição da Rede Telemétrica do Alto Tietê os volumes foram ainda maiores:

 

Rio Aricanduva/Foz-Rua Alfredo Frazão - 61,6mm

Aricanduva/Formosa -46,6mm

Rio Tietê/São Miguel - 44,6mm

Córrego Rincão/Montante do Piscinão - 43,0mm

Penha - 43,0mm

Vila Maria/Guilherme - 39,2mm

São Mateus - 29,0mm

Tremembé - 28,5mm

Itaim Paulista - 24,2mm

São Miguel Paulista - 22,6mm

Córrego Franquinho/Dom Helder Câmara - 21,2mm

 

Ainda há previsão de mais chuva para a cidade de São Paulo nos próximos dias, com risco de novos temporais.