Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Brasil começa 2016 com chuva forte

01/01/2016 às 12:01
por Josélia Pegorim

Entre a última manhã de 2015 e a primeira manhã de 2016 choveu forte em todas as regiões brasileiras, por atuação de diferentes sistemas meteorológicos. Mas em todas as regiões, o excesso de calor armazenado na atmosfera certamente foi muito importante para a formação das grandes nuvens que provocaram a chuva forte.

Confira os cinco maiores volumes de chuva acumulados entre 8 horas de 31/12/2015 e 8 horas de 01/01/2016, pelo horário de Brasília.

 

 

 

No Nordeste, a atuação de um VCAN (vórtice ciclônico em altos níveis) estimula a formação de áreas de nuvens carregadas especialmente sobre o Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba.

No Sudeste e no Centro-Oeste, o predomínio de ar quente e úmido e a influência do sistema meteorológico conhecido como Alta da Bolívia favorece a formação das áreas de instabilidade. Além disso, uma forte baixa pressão sobre o norte da Argentina gera nuvens carregadas que avançam sobre o Sul do Brasil e chegam também ao Mato Grosso do Sul.

No Norte, chuva intensa sobre o Oiapoque, no litoral norte do Amapá, foi consequência da passagem de nuvens carregadas da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT).

O ano de 2016 começou com predomínio de calor e condições para chuva com raios em praticamente todo o Brasil. Temporais poderão ocorrer no primeiro fim de semana do ano em todas as regiões do país.

Uma nova frente fria avança pelo litoral da Região Sudeste e vai chegar ao litoral da Bahia na segunda-feira. A grande massa de ar polar desta frente fria vai aliviar o calor em parte do Sul e do Sudeste nos próximos dias.

 

 

 

 

Primeira frente fria de 2016 leva chuva para a Bahia