Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva aumenta sobre o Pará e Tocantins

05/01/2016 às 23:29
por Josélia Pegorim

Grandes volumes de chuva foram acumulados no sul de Rondônia, sul do Pará e em áreas do Tocantins durante a terça-feira, 5 de janeiro. As pancadas de chuva foram muito fortes deixando grandes acumulados em curto espaço de tempo.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, no período entre 21 horas do dia 4 e 21 horas do dia 5 de janeiro de 2016, no horário de Brasília, choveu 93,8 m na região de Vilhena, no sul de Rondônia. Deste total, 43,2 mm caíram em apenas 1 hora durante a tarde desta terça-feira.

No sul do Pará, na divisa com o Tocantins, a chuva foi muito volumosa na região de Santana do Araguaia. Foram acumulados 62,2 mm entre 16 horas do e 21 horas do dia 5 de janeiro de 2016, no horário de Brasília, mas cerca de 47 mm caíram em 1 hora.

Nesta quarta-feira, grandes e fortes áreas de instabilidade devem se organizar especialmente sobre o Tocantins e no sul/leste do Pará. Uma frente fria que está no litoral da Bahia ajuda a formar estas áreas de chuva.

 

 

O mapa mostra a quantidade de chuva estimada para os próximos cinco dias. Os volumes mais elevados aparecem em tons de verde. Tanto no Pará como no Tocantins, choveu menos do que o normal nos últimos dois meses. O prolongamento do tempo seco, com pouca chuva, fez com que os focos de fogo de queimadas persistissem por mais tempo. Palmas, capital do Tocantins e também a região de Santana do Araguaia passaram vários dias em novembro e em dezembro encobertas pela densa fumaça.

 

 

 

 

Pará encoberto pela fumaça


Densa fumaça sobre o Norte do Brasil