Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva em São Paulo diminui até o fim da noite

05/02/2016 às 15:01
por Josélia Pegorim

Atualizado 05/02/2016 às 22:09

Depois do temporal da tarde, a chuva enfraqueceu mas se espalhou por toda a região da capital e pela maioria das áreas da Grande São Paulo. Os radares Climatempo-USP ainda detectavam chuva generalizada sobre a capital às 21h21, mas co fraca intensidade.

A chuva atingiu a região do Sambódromo deixando a pista totalmente molhada.

 

 

 

Mas pouco depois, às 21h39, a chuva já dava sinais de enfraquecimento e diminuição na zona norte da capital, inclusive sobre o Sambódromo. A grande área de chuva vai perdendo força até o fim da noite, mas durante a madrugada ainda poderá chover um pouco, porém de forma fraca.

 

Confira a previsão para os desfiles de São Paulo

 

Recorde de calor

São Paulo começou o Carnaval 2016 batendo recorde de calor. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura no Mirante de Santana chegou a 33,6°C. Mas este valor poderá subir um pouco mais quando for feita uma nova leitura da temperatura máxima, às 22 horas.  

O calor será intenso durante todo o Carnaval, mesmo com a ocorrência de pancadas de chuva.

 

Chuva forte 

O calor aumentou em São Paulo nesta sexta-feira, como já era esperado. Por causa do calorão, algumas nuvens carregadas cresceram sobre a Grande São Paulo provocando pancadas de chuva com raios e ventania. Às 16h36, o aeroporto de Congonhas  registrou uma rajada de 70 km/h.

Várias áreas de chuva se espalham sobre a Grande SP até a noite e há risco de chuva forte. Pouco antes das 17 horas, os radares Climatempo-USP detectavam chuva forte se aproximando da região do Sambódromo.

 

 

 

 

Radares Climatempo-USP mostram chuva no Sambódromo

Entre a tarde da sexta-feira, 5 de fevereiro, e a tarde do domingo, 7, os radares Climatempo-USP vão mostrar a sua localização e também a onde está o Sambódromo, na zona norte da cidade de São Paulo, onde ocorrem os desfiles das escolas de samba. Assim, você vai poder acompanhar se está chovendo ou não na hora do desfile de sua escola favorita!

Os radares Climatempo-USP estiveram foram do ar por causa da queda de um raio no radar que fica na USP Leste. A chuvarada que ainda ocorria no fim de janeiro dificultou muito o reparo do equipamento. Mas os radares estão de volta para prestar este importante serviço para a toda a população da Grande São Paulo.