Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Sul de MG tem mais temporais

22/02/2016 às 22:58
por Josélia Pegorim

A combinação de ar quente e úmido com a baixa pressão atmosférica gerou nuvens carregadas em vários locais entre o Triângulo, o Sul de Minas Gerais e a Grande Belo Horizonte na tarde e noite de segunda-feira, 22 de fevereiro.

Na região de Passos, a chuva caiu forte causando grande alagamento na cidade. No local onde o Instituto Nacional de Meteorologia tem medição de quantidade chuva, o volume acumulado não muito elevado. Foram cerca de 21 mm de chuva entre 16h e 19 horas. Porém em outros locais da cidade pode ter chovido mais. As rajadas de vento chegaram aos 64 km/h às 17h e às 18h.

 

 

Ainda segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, em Varginha choveu 14,8 mm entre 15h e 16h e em Monte Verde choveu cerca de 45 mm entre 9h e 21h.

As condições de umidade do ar elevada, calor e baixa pressão persistem até o fim da semana e mais temporais vão ocorrer. Além disso, nuvens carregadas podem avançar de São Paulo para o Sul de Minas Gerais levando temporais.

 

 

 

Pouca chuva em Belo Horizonte

Faltando uma semana para terminar fevereiro, a chuva que caiu sobre Belo Horizonte está muito abaixo da média. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia do dia 1 até 9 horas do dia 22 de fevereiro choveu 105 mm na região da estação meteorológica de Santo Agostinho, área central da cidade. Mas quase toda a chuva, cerca de 85 mm, caiu um temporal entre os dias 12 e 13. Nos demais dias, o sol forte e o tempo seco predominaram.

Depois de um janeiro com muita chuva, pois houve a formação de uma ZCAS (Zona de Convergência do Atlântico Sul), o sistema de Alta Pressão Subtropical do Atlântico Sul voltou a predominar sobre o Sudeste reduzindo a umidade, a nebulosidade e as condições para chuva em grande parte do Sudeste.

A chuva acumulada em Belo Horizonte em 22 dias ainda está 49% abaixo da média e a perspectiva é de pouca chuva até o fim do mês.