Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Brasília comemora aniversário em dia quente

20/04/2016 às 18:03
por Josélia Pegorim

Atualizado 20/04/2016 às 18:04

Brasília faz aniversário nesta quinta-feira, 21 de abril e chega aos 56 anos.

Este ano, o período de seca na região do Distrito Federal começou mais cedo. A forte e prolongada atuação do sistema de alta pressão do Atlântico Sul (ASAS) sobre o Brasil reduziu a umidade e a chuva em Brasília antes da época normal. Chove pouco em abril, mas este ano a única chuva até agora ocorreu na virada de maio para abril.

O aniversário de Brasília será comemorado em um dia de sol forte e calor em torno dos 30°C. Não há expectativa de chuva para esta quinta-feira e nem para os demais dias do feriado prolongado.

Na próxima semana, com a entrada de uma grande frente fria sobre o Brasil, Brasília terá alguma chance de chuva, mas só no fim da semana.

 

 

 

Um pouco da história de Brasília

A ideia de construção da capital brasileira no interior do país começou em 1823, quando José Bonifácio de Andrada e Silva sugeriu o nome Brasília e tinha o intuito de evitar ataques pelo mar.

Mas ela só foi viabilizada em 1891, quando foi determinada sua área na primeira Constituição da República Brasileira e logo após, em 1892, um grupo de cientistas, chefiado por Louis Ferdinand Cruls, foi enviado para explorar o Planalto Central e demarcar a área, que ficou conhecida como Quadrilátero Cruls. Essa foi a primeira versão do “quadradinho”, como muitos habitantes chamam a cidade.

Já em 1956, Juscelino Kubitschek, então presidente do país, deu início à realização do projeto e a cidade começou a ser erguida. Oscar Niemeyer, famoso arquiteto brasileiro foi responsável pela construção dos monumentos, como o Congresso Nacional, os Palácios da Alvorada e do Planalto, o Supremo Tribunal Federal e a Catedral de Brasília.

Em 21 de abril de 1960, Brasília “nascia” e a data não foi escolhida a toa. Bem no dia da morte de Tiradentes, um dos principais líderes mineiros que defendeu a independência do Brasil no século XVIII, a ideia era fortalecer o ideal de liberdade e coragem, homenageando os inconfidentes que sonhavam com um país livre.