Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

BH tem terceiro junho mais chuvoso em 55 anos

03/06/2016 às 14:33
por Josélia Pegorim

Atualizado 03/06/2016 às 15:23

Muita chuva em BH

O excesso de umidade e a chuva neste início de junho na região de Belo Horizonte está completamente fora dos padrões normais. Apenas com a chuva acumulada entre os dias 1 e 3 junho, Belo Horizonte já recebeu 53,4 mm, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia na estação meteorológica no bairro de Santo Agostinho, centro-sul da capital mineira.

O volume médio de chuva para junho em Belo Horizonte em junho é de apenas 14,1 mm. É um valor muito pequeno e comprova que chuva é coisa rara por lá nesta época do ano fazendo com que os 53,4 mm acumulados em 3 dias seja ainda mais excepcional para junho. Este volume representa quatro vezes mais chuva do que a média história e já é a terceira maior quantidade de chuva em junho desde 1961.

 

 

 

Áreas de instabilidade que se espalharam sobre a Região Sudeste, associadas com uma frente fria na altura do litoral do Rio de Janeiro, vão manter o tempo úmido na região da Grande Belo Horizonte neste sábado. Além da região da capital, cidades da Zona da Mata Mineira, do Sul de Minas e do Triângulo Mineiro devem receber mais chuva. Estas regiões mineiras também estão tendo uma chuva excepcional para junho. Para o domingo, a previsão é de diminuição da nebulosidade em todas estas áreas. O sol deve aparecer forte, mas o Sul de Minas e a Zona da Mata ainda podem ter pancadas  de chuva.

Na próxima semana, outra frente fria chega forte ao Sudeste e poderá provocar mais chuva na região da Grande Belo Horizonte a partir da quarta-feira, 8 de junho. Com a previsão de mais chuva até o fim da primeira quinzena deste mês, junho de 2016 deve ficar entre os junhos mais chuvosos já observados na região de Belo Horizonte

 

Temperatura amena

Por causa do excesso de nebulosidade e da chuva, a temperatura teve pouca elevação em Belo Horizonte nas últimas 24 horas. A tarde de 2 de junho foi a segunda mais fria de 2016 até agora, com temperatura máxima de apenas 21,4°C, segundo Instituto Nacional de Meteorologia. O recorde de tarde mais fria do ano é do dia 29 abril, quando a máxima foi de 20,4°C. Até 14 horas, a temperatura não havia passado dos 21°C na região do aeroporto da Pampulha.