Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

São Luís registra menor temperatura do ano

23/06/2016 às 12:20
por Josélia Pegorim

Atualizado 23/06/2016 às 22:52

A chuva intensa que caiu sobre a capital maranhense causou uma queda de temperatura mais acentuada. A temperatura mínima em 23 de junho foi de 22,2°C, a mais baixa do ano pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia. O recorde anterior era de 22,4°C , em 28 de janeiro.

O temporal caiu sobre São Luís na madrugada e em parte da manhã desta quinta-feira deixando várias ruas alagadas. A fortes rajadas de vento também causaram transtornos, como queda de árvores e destelhamento de casas.

O Instituto Nacional de Meteorologia registrou um acumulado de 53,7 mm entre 9 horas do dia 22 e 9 horas de 23 de junho. Foi a maior quantidade de chuva no Brasil neste período. Em outro local da cidade, no Paço do Lumiar, o Centro Nacional de Monitoramento e Desastres Naturais registrou quase 78 mm entre 11 horas de ontem e 11 horas de hoje. No mesmo período choveu quase 84 mm em Mirinzal, no litoral do Maranhão.

O aeroporto local registrou  várias rajadas de vento no começo da madrugada entre 53 km/h e 72 km/h.

 

 

 

As áreas de instabilidade que provocaram o temporal em São Luis, e em outros locais do litoral do Maranhão, começaram a se formar na tarde de ontem, quando também choveu e ventou forte em São Luís.  Às 13 horas de ontem, o aeroporto local registrou uma rajada de vento com 75 km/h.

As nuvens continuam carregadas nesta quinta-feira e há condições para mais chuva na tarde e noite de hoje. Na sexta-feira em fim de semana, nuvens carregadas voltam a crescer no litoral do Maranhão provocando mais pancadas de chuva.

 

Ano ruim de chuva

O ano de 2016 está sendo ruim de chuva para a região de São Luís. Por influência do fenômeno El Niño, durante o verão e no outono, e por condições desfavoráveis de temperatura da água do oceano Atlântico, choveu menos do que o normal na época mais chuvosa do ano que compreende os meses de fevereiro a maio. Agora, São Luis e o litoral do Maranhão já estão se despedindo da chuva. A tendência é de que o tempo seco comece a predominar.