Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Nevoeiro enfraquece no aero de Guarulhos

04/07/2016 às 09:25
por Josélia Pegorim

 

Um forte nevoeiro restringe a visibilidade no aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo. O fenômeno se formou às 7 horas, quando o alcance visual nas pistas baixou para 300 metros. A situação piorou às 8 horas, quando a visibilidade horizonte baixou para 200 metros,  mas melhorou às 9 horas quando a visibilidade aumentou para 900 metros.

A tendência é que o nevoeiro se dissipe na próxima hora e visibilidade se normalize antes do fim da manhã.

O aeroporto de Congonhas não apresentava nenhuma restrição de visibilidade e operava no visual (sem auxílio de instrumentos para orientar os pilotos) desde às 6 horas da manhã. A visibilidade era total às 8 horas.

Já o Campo de Marte, na zona norte da capital, que concentra o movimento de helicópteros, amanheceu uma névoa úmida moderada a forte que no pior momento, às 7 horas, restringiu a visibilidade a 2500 metros. Às 8h28, a névoa já enfraquecia e a visibilidade aumentou para 5000 metros.

 

Qual a diferença entre névoa úmida e nevoeiro?

 

A formação da névoa úmida e do nevoeiro estão associados ao resfriamento noturno natural. Um forte sistema de alta pressão atmosférica atua sobre o Brasil e deixa o ar muito subsidente. A subsidência causa o resfriamento.

Um resfriamento mais acentuado poderá ocorrer a partir de quarta-feira com a entrada de ar polar sobre São Paulo.

 

undefined