Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Calor de 41°C em Mato Grosso do Sul

18/10/2016 às 23:03
por Josélia Pegorim

Temperaturas extremamente elevadas estão sendo observadas sobre o Mato Grosso do Sul nos últimos dias. Desde o início desta semana, este estado está sendo uma das regiões mais quentes do Brasil. Por dois dias consecutivos, a cidade de Porto Murtinho, na fronteira com o Paraguai, foi o lugar mais quente no Brasil. Nesta terça-feira, 18, a temperatura chegou aos 41,2°C nesta cidade e na segunda, 17, a máxima foi de 41,3°C, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia. Na capital, Campo Grande, com o excesso de nebulosidade, a temperatura não subiu muito e a máxima ficou em torno dos 32°C.

 

 

O calor continua intenso nos próximos três dias em Mato Grosso do Sul, com previsão de pancadas de chuva em alguns locais do estado à tarde e à noite. O sul de Mato Grosso do Sul é a região com maior possibilidade de chuva por estar mais próxima das áreas de instabilidade que se espalham sobre a Região Sul do Brasil. Mas estas áreas de chuva só voltam a avançar com força sobre o Mato Grosso do Sul no decorrer da quinta-feira com a ajuda de uma frente fria que estará avançando pelo litoral do Sul do Brasil.

Com o aumento da nebulosidade, da chuva e a entrada de ventos frescos de origem polar, o ar vai refrescar em Mato Grosso do Sul durante a sexta-feira e no fim de semana. Há condições para chuva moderadas a forte entre a quinta-feira e o domingo.

 

Pouca chuva no Centro-Oeste

Calor intenso e pouca chuva também estão sendo observados em Mato Grosso, em Goiás e no Distrito Federal.  Brasília é candidata a bater o recorde de calor de 2016 esta semana. As condições para chuva aumentam só a partir da sexta-feira.

 

Confira a tendência da chuva para o Brasil para 15 dias

 

 

Dourados no fim de abril de 2016

 

 

Calor histórico de outubro de 2014 em MS

Em meados de outubro de 2014, junto com São Paulo, o Mato Grosso do Sul ferveu e o foi a região mais quente no Brasil. Por vários dias, os termômetros superaram os 40°C em muitas áreas do estado.

Na tarde de 15 de outubro de 2014, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 42,9°C em Coxim, no norte de Mato Grosso do Sul. Esta temperatura está entre as 10 mais elevadas do Brasil pelos registros do Instituto Nacional de Meteorologia.

Foi também no tórrido outubro de 2014 que Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, estabeleceu um novo recorde histórico de calor, alcançando 40,2°C no dia 15 de outubro de 2014.