Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

SP pode ter chuva forte nesta terça

31/10/2016 às 15:14
por Paula Soares

Atualizado 31/10/2016 às 20:38

Novembro começa quente e com tempo instável sobre o estado de São Paulo. Com o calor e a umidade do ar elevada, nuvens carregadas voltam a crescer na no decorrer da tarde desta terça-feira em todas as regiões paulistas.

As pancadas de chuva podem começar mais cedo do que nesta segunda e novamente acompanhada por raios, rajadas de ventos fortes, entre 60 km/h e 80 km/h, e também há risco de granizo.

 

 

As imagens de satélite da tarde do dia 31/10/2016 mostram a formação de vários áreas de nuvens carregadas (manchas verdes) sobre diversas regiões do estado de São Paulo, incluindo a Grande São Paulo.  Mas outras nuvens carregadas avançam de Mato Grosso do Sul e trazem mais chuva para o interior.

 

 

 

Mais chuva para esta semana

Na quarta-feira, feriado pelo Dia de Finados, o risco de temporais ainda é ainda maior. O ar esquenta ainda mais e chegada de uma nova frente fria vai ajudar a aumentar as condições de chuva. O feriado terá temporais em várias regiões do estado de São Paulo. Acompanhe a previsão para os próximos dias!

 

Granizo volta a ocorrer na Grande SP

A rápida elevação de temperatura e a umidade disponível na Grande SP provocaram algumas pancadas de chuva na tarde de segunda-feira, 31 de outubro. O calor de quase 30°C facilitou o crescimento de nuvens bastante carregadas sobre a Grande São Paulo que provocaram chuva forte, com queda de granizo e rajadas de vento.

O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 29,7°C no Mirante de Santana, na zona norte da capital, quase seis graus a mais do que na tarde do domingo.

A chuva se espalhou rapidamente sobre a capital e Grande São Paulo, mas não choveu em todas as áreas. Choveu forte e rápido especialmente entre 16 horas e 18 horas. Houve registro de granizo na região do aeroporto internacional de Guarulho. O granizo também foi observado na região da Mooca. O CGE - Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura informou granizo na região de Santana e na Vila Maria, na zona norte da capital, e no Itaim Bibi, na zona leste.

Os maiores volumes de chuva, pela medição do CGE, foram entre 16 horas e 17 horas. Neste período choveu 8,8 mm na Vila Mariana, 7,8 mm na Vila Maria (região da Vila Guilherme), 7,0 mm na Moóca e 4,4 mm em Santo Amaro.

Durante as pancadas de chuva no aeroporto de Guarulhos ocorreram rajadas de vento de 53 km/h, às 17h08 e de 64 km/h às 17h17.

 

A chuva começou sobre áreas da zona sul da capital e do ABC, avançou sobre a região central, zona oeste e centro-leste da capital, em seguida as nuvens carregadas se espalharam sobre bairros da zona norte da capital e municípios na faixa norte da Grande São Paulo, voltando depois sobre a zona leste da cidade de São Paulo e novamente sobre a região do Grande ABC.

 

A sequência de imagens dos radares Climatempo-USP mostra o deslocamento das áreas de chuva na tarde de 31/10/16

 

Por volta das 14 hroas, os radares Climatempo/USP detectavam chuva na região de São Bernardo, Santo André, Diadema, Guarulhos, Arujá e no extremo leste da capital paulista.

 

 

Chuva forte na zona norte da capital e sobre Guarulhos

 

 

Chuva forte na zona leste da capital

 

Chuva forte sobre o Grande ABC