Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Aconteceu em 2012

31/12/2012 às 17:23
por Josélia Pegorim

ong>Extremos das capitais em 2012   Maior temperatura máxima Rio de Janeiro (RJ): 43,2ºC/ 26 de dezembro Maior temperatura mínima Palmas (TO): 28,7ºC/ 17 de setembro Menor temperatura mínima Porto Alegre (RS): 1,1ºC / 9 de junho Menor temperatura máxima Curitiba (PR): 9,4ºC/ 16 de julho Maior chuva em 24h Salvador (BA): 186,4 mm/ entre 20 e 21 de maio Maior volume de chuva em um mês Belém (PA): 745,4 mm / março   Calor acima dos 40ºC nas capitais Quatro captais brasileiras registraram em 2012 temperaturas máximas recordes acima dos 40ºC: Rio de Janeiro: 43,2ºC, 26 de dezembro Cuiabá: 41,6ºC, 29 de outubro Teresina: 41,1ºC, 24 de outubro Palmas: 40,9ºC, 2 de outubro   O calor de 40ºC ou mais foi sentido mais de uma vez este ano em cidades do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, do litoral do Paraná, e em muitas áreas do interior do Nordeste e em algumas áreas de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, no norte de Minas Gerais, no Estado do Rio de Janeiro e no sul do Espírito Santo.   Alguns dados marcantes e recordes históricos de 2012   Recorde de chuva em São Paulo para dezembro São Paulo: 402 mm de chuva em dezembro – dezembro mais chuvoso de toda a série de medição do Inmet no Mirante de Santana, desde 1943   Calor recorde para dezembro em São Paulo São Paulo: média de temperaturas mínima e máxima de dezembro de 2012 foram as mais elevadas para este mês, desde o início das medições no Mirante de Santana, em 1943. Calor histórico em São Paulo em outubro O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 36,6ºC na cidade de São Paulo em 31 de outubro de 2012. Foi a maior temperatura para um dia de outubro, desde o início das medições pelo Inmet, em 1943. Foi a quarta Belo Horizonte bateu o recorde de calor histórico A temperatura máxima em 2012 foi de 37,1ºC, em 31 de outubro – recorde histórico de calor, desde 1910, quando começaram as medições.  Novembro chuvoso em Brasília Brasília: 444,7 mm de chuva acumulados em novembro de 2012 – foi o segundo novembro mais chuvoso na cidade desde a sua fundação. O recorde é de 449,6 mm, em 1965, segundo o Inmet.   Calor extremo em Santa Catarina em dezembro   O Natal de 2012 foi um verdadeiro forno em Santa Catarina. Várias cidades do sul, do litoral e do vale do Itajaí registraram calor acima dos 40ºC. O Epagri/Ciram registrou 43,8ºC em Criciúma. Em Florianópolis, o recorde de calor de 2012 aconteceu no dia 7 de dezembro: 38,6ºC, uma temperatura excepcional para os padrões normais da capital catarinense.   Ventanias Um dos temporais de dezembro na Grande São Paulo aconteceu na véspera do Natal. Uma verdadeira tempestade caiu sobre o aeroporto internacional em Guarulhos. As nuvens que passaram por lá provocaram uma rajada de vento com aproximadamente 116 km/h, às 19 horas. Em 17 de dezembro de 2012 uma linha de temporais varreu o Rio Grande do Sul e muitas áreas do Estado registraram ventos acima dos 100 km/h. Alguns exemplos: Uruguaina (aero) - 102 km/h, Santana do Livramento (Inmet): 116 km/h,  Dom Pedrito(Inmet): 105 km/h. Em de agosto de 2012, as áreas de instabilidade de uma frente fria provocaram ventos de 118 km/h em Xanxerê, no oeste de Santa Catarina. (dado do Inmet). Muitas outras cidades do Brasil registraram rajadas de vento próximas ou mesmo acima dos 100 km/h, provocadas pelas nuvens do tipo cumulonimbus, típicas de tempestades. Porto alegre de 1ºC aos 40ºC O Rio Grande do Sul é o Estado brasileiro que tem as maiores e mais frequentes alterações bruscas de temperatura, tanto o súbito resfriamento como o aquecimento. Vale relembrar os extremos de temperatura deste ano em Porto Alegre: 1,1ºC de mínima e 39,8Cº de temperatura máxima.