Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Agosto terminou seco e com muitas queimadas no País

01/09/2012 às 13:41
por Marcelo Pinheiro

O fo
rte bloqueio atmosférico que se estabeleceu sobre o País durante quase todo o mês de agosto, impedindo a formação de áreas de instabilidade e o avanço de frentes frias, foi determinante para que o mês terminasse com temperatura acima da média e ausência de chuva em quase todo o Sul, no Sudeste, no Centro-Oeste e em áreas do interior do Nordeste e do sul da Amazônia, assim como no Tocantins. O tempo seco e quente favoreceu o aumento e o surgimento de novos focos de queimadas em todo o interior do Brasil. De acordo com o programa de Monitoramento de Queimadas por Satélite e Informações Ambientais Associadas do Instituto Nacional de Pesquisas Especiais (INPE), foi registrado um total de 46289 focos de queimada no Brasil entre os dias 01 e 31 de agosto de 2012. O Maranhão, o Pará e Mato Grosso lideram o ranking de queimadas por estado neste período. Do início do ano até o dia 31 de agosto, o Brasil já totaliza 77107 focos de queimada, cerca de 83% a mais do total registrado neste mesmo período no ano passado.  Ao longo da próxima quinzena ainda não há expectativa de mudança neste quadro de tempo seco e quente no interior do País e, por isso, a tendência é de aumento das queimadas até meados de setembro.