Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Aquecimento do mar traz chuva para o leste do Nordeste

19/05/2015 às 23:03
por Josélia Pegorim

Abri
l, maio, junho e julho normalmente são os meses com maior quantidade de chuva na costa leste do Nordeste. Chover forte nestes meses é comum. É época de chuva frequente e volumosa e de problemas causados pelo excesso de chuva nas capitais Salvador, Aracaju, Maceió, Recife, João Pessoa e em Natal. No Nordeste e também no Norte do Brasil é comum chamar a época mais chuvosa do ano de “inverno”. O “inverno” de 2015 até agora só está dando muita chuva para Salvador. A capital baiana teve chuva acima da média em abril e a chuva acumulada em 19 dias de maio já supera em 45% a média normal para o mês. Nas outras capitais, abril foi ruim de chuva e maio está indo pelo mesmo caminho. Os gráficos mostram a comparação entre a chuva acumulada e a média histórica de chuva nas capitais do Nordeste nos meses de abril e de maio, até o dia 19. Está faltando muita chuva para a maioria das capitais do leste do Nordeste. Mas por que está chovendo tanto em Salvador? Vai começar a chover com maior frequência entre Aracaju e Natal nos meses de junho e de julho? Durante o programa Climatemponews Especial El Niño 2015, os meteorologistas Alexandre Nascimento e Patricia Madeira comentam a situação atual e as causas da falta de chuva na costa leste do Nordeste, o excesso de chuva em Salvador e apontam importantes mudanças esperadas para junho que devem aumentar as condições para chuva. Eles comentam ainda qual a influência do El Niño no próximo período chuvoso na costa norte do Nordeste.     Edição completa do Climatemponews Especial 2015  (50 min) Por que não está chovendo na costa leste do Nordeste? Histórico da previsão de El Niño 2014/2015