Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Ar seco deixa noroeste de MG em emergência

22/09/2011 às 16:16
por Josélia Pegorim

ong>Ar seco deixa noroeste de MG em emergência O Estado de Minas Gerais termina o inverno com ar muito seco e quente. No meio da tarde desta quinta-feira, Belo Horizonte e todo o centro, noroeste, oeste e sul de Minas Gerais entraram no “estado de alerta” pelos padrões da Organização Mundial da Saúde, com níveis de ar-umido entre 12% e 20%. Mas algumas áreas registravam níveis de ar-umido menores do que 12%, o que caracteriza o “estado de emergência”. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou às 14 horas apenas 11% de ar-umido no ar na região de Unaí e 12% na região de Patrocínio, Montalvania. Buritis e Chapada Gaúcha. A Grande Belo Horizonte também estava muito seca. Por volta das 15 horas, o aeroporto da Pampulha registrava 15% de ar-umido no ar e um calor de 31ºC. Em Confins , a ar-umido era de 20%, menos pior do que ontem, quando o nível baixou para 12%. O calor às 3 horas da tarde de hoje superava os 30ºC em praticamente todas as regiões de Minas Gerais. As temperaturas mais elevadas eram de 36,8ºC em São Romão, no noroeste mineiro, e de 36ºC em Ituiutuba, no Triângulo, Chuva no fim de semana A secura do ar é uma das características do clima de Minas Gerais durante o inverno e no início da primavera. Assim, a situação observada hoje, e que foi uma corriqueira no inverno, é o normal desta época. Mas os dias secos estão quase no fim. Uma grande frente fria chega ao Sudeste do Brasil neste fim de semana, com força suficiente para mudar as condições do tempo até no seco e quente noroeste mineiro. As primeiras pancadas de chuva associadas com esta frente fria devem acontecer no sul de Minas Gerais, no fim da tarde e noite desta sexta-feira, primeiro dia da primavera, que começa oficialmente às 6h04 23 de setembro. Durante o sábado, a frente fria avança um pouco mais sobre Minas e causando pancadas de chuva no Triângulo, na Zona da Mata, Grande Belo Horizonte e no Alto Paraíba. A região do vale do Aço também já poderá ter alguma chuva a partir da tarde do sábado. No domingo, as áreas de instabilidade da frente fria devem se espalhar entre o noroeste e o nordeste de Minas Gerais e deve chover nas cidades próximas da divisa com a Bahia e no vale do Jequitinhonha. Como o solo está muito ressecado, depois da longa estiagem do inverno, a chuva que ocorrer neste fim de semana não será suficiente para reverter o quadro de seca para as finalidades agrícolas. Porém, o papel mais importante desta frente fria será o de romper o bloqueio causado por uma grande massa seca que normalmente se instala sobre o Brasil no inverno. Uma segunda frente fria, nos primeiros dias de outubro, reforça esta mudança das condições atmosféricas sobre o Brasil e também deve alcançar o norte mineiro levando mais chuva.