Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Calor de outubro bate recordes históricos em GO,SP e MS

16/10/2014 às 14:27
por Josélia Pegorim

ong>Onda de calor de outubro bate recordes históricos O Instituto Nacional de Meteorologia confirmou nesta quinta-feira, 16 de outubro, que a temperatura máxima registrara ontem em Goiânia, capital de Goiás, igualou o recorde histórico de calor. A temperatura máxima registrada na aferição das 21 horas de 15 de outubro de 2014 foi de 39,4°C, a mesma temperatura que observada em 17 de setembro de 2007. As medições meteorológicas em Goiânia são feitas desde 1937. Recorde de calor em Brasília A onda de calor que se instalou sobre o Brasil continua atuando forte sobre a região de Brasília. A temperatura máxima de 15 de outubro de 2014 foi de 35°C. Foi a maior temperatura para o ano de 2014. A tarde 15 de outubro de 2014 foi a segunda mais quente da história climática de Brasília. A maior temperatura já registrada na cidade foi de 35,8°C em 28 de outubro de 2008. As medições meteorológicas regulares do pelo Instituto Nacional de Meteorologia começaram em 12 de novembro de 1961. Calor extremo em Mato Grosso do Sul Temperaturas extremamente elevadas estão sendo observadas sobre o Mato Grosso do Sul nos últimos dias. Desde o início desta semana, este estado está sendo o mais quente do Brasil, com temperaturas de 40,0°C ou mais sendo registradas por quase todo o Estado. Na tarde de 15 de outubro de 2014, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 42,9°C em Coxim, no norte de Mato Grosso do Sul. Esta temperatura está entre as 10 mais elevadas do Brasil pelos registros do Instituto Nacional de Meteorologia.         Recorde histórico em SP O Instituto Nacional de Meteorologia  e também a Aeronáutica registram temperaturas de 40,0°C ou mais no interior de São Paulo desde o dia o dia 14 de outubro. Em Franca, no norte de São Paulo, a temperatura máxima de 15 de outubro de 2014, na estação convencional , foi de 37,8°C sendo o novo recorde histórico absoluto da série de dados, que começou em 1911. Antes desta onda de calor, a maior temperatura em Franca era de 36,0°C em 4 de outubro de 1959. Em Valparaíso, a temperatura máxima de  41,2°C registrada em 15 de outubro de 2014 foi a terceira mais alta temperatura registrada  no estado de São Paulo desde 1961, perdendo para os 41,3°C  registrados em Valparaíso e em José Bonifácio em 30 de outubro de 2012 Considerando um histórico de medições mais antigo do INMET (período de 1930 a 1960), só há um registro de temperatura mais alta que foi de 43,0°C em Iguape, no litoral sul paulista. As temperaturas vão baixar no Sudeste e no Centro-Oeste com as grande mudanças no tempo esperadas para a semana que vem, quando uma frente fria finalmente terá força para vencer esta forte massa de ar quente que atua sobre o Brasil.