Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

ES e norte do RJ terão mais chuva

03/03/2015 às 14:57
por César Soares

Atualizado às 21h50 de 03/03/2015

A presença de um Vórtice Ciclônico nos Altos Níveis atmosféricos (VCAN) sobre o mar, próximo à costa do Espírito Santo, organiza áreas de instabilidades que espalham nuvens carregadas sobre este estado e também sobre o norte do Rio de Janeiro e nordeste de Minas Gerais, região onde estão os vales dos rios Doce e Jequitinhonha.  A sequência de imagens de satélite mostra vários aglomerados de nuvens carregadas que se espalharam sobre estas regiões durante a terça-feira (03) e provocaram temporais.

Mais chuva

Ao longo dos próximos dois dias há o risco de mais chuva por toda a região entre o norte do Rio de Janeiro, o nordeste mineiro e o Espírito Santo. A chuva ocorre em forma de pancadas, principalmente à tarde e à noite. Nas áreas próximas do litoral capixaba, pode chover a qualquer hora. Estas condições vão predominas na quarta-feira (04) e na quinta-feira (05). Na sexta-feira (06), as áreas de instabilidade enfraquecem e as pancadas de chuva devem ser menos frequentes e só entre a tarde e a noite. O sol forte e o tempo seco voltam a predominar no fim de semana.

Vitória: 40% da chuva de março em 24h Vitória, capital do Espírito Santo,  sentiu os temporais em vários momentos. A chuva forte caiu inclusive sobre o aeroporto de Goiabeiras, onde a visibilidade baixou para 1000 metros, às 14h10. Segundo informações da estação automática do INMET, choveu 44,8 mm entre 20 horas do dia 2 e 20 horas do dia 3 de março. Este volume de chuva representa 40% da média de chuva para março que é de aproximadamente 111 mm. Durante o temporal a tarde de terça-feira choveu 18,4 mm entre 13 e 15 horas. Chuva forte no norte do RJ

As nuvens carregadas que se espalharam sobre  norte do Estado do Rio de Janeiro provocaram chuva forte em vários locais. Em Campos dos Goytacazes, o Inmet registrou 47,2 mm apenas entre o meio-dia e 20 horas, sendo de 20,8 mm caíram apenas em 1 hora, o que tecnicamente representa chuva forte.

Baixas pressões aumentam a chuva no centro-sul do Brasil

No fim da semana e durante a próxima semana, várias áreas de baixa pressão atmosférica vão influenciar o centro-sul do Brasil facilitando a formação de áreas de instabilidade que podem provocar chuva forte. Estas áreas de instabilidade devem aumentar a frequência da chuva sobre o centro-sul do Estado do Rio de Janeiro, mas terão pouca influência no norte fluminense e no Espírito Santo.

  Chuva de fevereiro deu apenas pequeno alívio na crise energética Já fotografou o tempo hoje?