Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva continua no Rio de Janeiro por mais 48 horas

06/04/2010 às 16:52
por Josélia Pegorim

A ch
uva no Rio de Janeiro diminui nesta quarta-feira, mas não para completamente. Ainda vai chover de forma constante sobre a cidade pelo menos até a quinta-feira. Como as encostas já estão encharcadas, o risco de deslizamentos de terra permanece muito elevado até o fim da semana. Os problemas com a má visibilidade nos aeroportos também vão continuar. Com o tempo chuvoso, uma forte névoa também se forma sobre a cidade e restringe a visibilidade. Para complicar ainda mais a vida dos cariocas, o mar sobe muito. Há previsão de ressaca entre esta quarta e a quinta-feira, com picos de ondas de até 3 metros e meio. A tempestade que caiu sobre o Rio de Janeiro foi provocada por frente fria de forte intensidade que chegou a cidade. O intenso contraste térmico entre o ar polar que veio com a frente fria, e o ar quente tropical que já estava sobre o Rio de Janeiro, facilitou a formação das nuvens muito carregadas que provocaram a chuvarada. Além disso, com a passagem da frente fria, os ventos marítimos sopraram mais fortes sobre o Rio de Janeiro, aumentando ainda mais a carga de umidade no ar. O excesso de umidade gerou ainda mais chuva dentro das nuvens. Outro fator que colaborou para o aumento da chuva foi a temperatura superficial das águas do Oceano Atlântico, que estão cerca de 2 graus acima do normal. Essa combinação de tempo e de oceano gerou uma verdadeira máquina de fazer chuva sobre o Rio de Janeiro. Segundo o levantamento da Georio, órgão ligado à prefeitura e que monitora as precipitações sobre a cidade do Rio de Janeiro, entre meio-dia do dia 5 de abril e meio-dia de 6 de abril, choveu em média de 150 a 300 milímetros nas diversas áreas da capital fluminense. Tecnicamente, estes volumes são extremamente elevados não apenas para o Rio de Janeiro, mas para qualquer lugar do país, em qualquer época do ano. Para efeito de comparação, o volume de chuva normal para todo o mês de abril, na Praça Mauá, fica em torno de 90 milímetros.