Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva no norte de MG, BA e SE não acaba com a seca

21/01/2013 às 20:46
por Josélia Pegorim

O ex
cesso de umidade, calor e a presença de uma frente fria no litoral da Bahia geraram nuvens bastante carregadas sobre o norte de Minas Gerais, na Bahia e em Sergipe. Na imagem de satélite, as áreas arredondadas em tons de vermelho e os pontos amarelos indicam a parte destas nuvens com maior condição de provocar chuva e de forte intensidade, acompanhada de ventos fortes e raios.   Fortes pancadas de chuva começam a cair na tarde desta segunda-feira e devendo prosseguir pela noite e parte da madrugada da terça-feira. No sul da Bahia, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 23,4 mm de chuva entre 18h e 19h. Em Una, no litoral sul, choveu 11 mm neste período. Em Carirá, no interior de Sergipe, choveu 18,2 mm em apenas 2 horas, entre 17h e 19h. Essa chuva é muito pouca para acabar com a seca, mas a população de lá não via chuva de verdade assim desde o fim de setembro do ano passado. No dia 29 de setembro de 2012 choveu 51 mm. Em Salinas, no norte de Minas Gerais, uma região famosa mundialmente por suas cachaças artesanais, mas também uma das áreas de seca crônica no Brasil, o acumulado de chuva já chegava aos 40 mm apenas entre 16h e 19h. Seca  não acaba A Bahia, o norte de Minas Gerais e também Sergipe terão chuvas frequentes até o fim da semana. Há risco de temporais. Apesar da previsão de chuvas volumosas, o quadro de seca não deve ser revertido completamente. A deficiência de água nestas regiões é muito alta e não há expectativa de continuidade da chuva, após o afastamento da frente fria que está no litoral da Bahia. A chuva para novamente a partir de sexta-feira e janeiro termina com sol forte e pouca chance de chuva.