Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Cinzas do vulcão Puyehue na província de Buenos Aires e no Uruguai

26/07/2011 às 15:48
por Josélia Pegorim

Com
a mudança do fluxo dos ventos sobre o sul da Argentina e do Chile, a nuvem de cinzas do vulcão chileno Puyehue voltou a se espalhar na direção da província de Buenos Aires e do Uruguai. Na manhã desta terça-feira, a presença das cinzas vulcânicas foi novamente observada nos aeroportos de Buenos Aires e de Colônia, cidade uruguaia mais próxima de Buenos Aires, às margens do rio La Plata, como a capital portenha. A mudança dos ventos ocorreu apos a passagem de várias frentes frias e o estabelecimento de uma circulação de ventos do setor sudoeste. Esta direção é a que faz uma espécie de "ponte direta" entre a região do vulcão Puyehue e a região da província de Buenos Aires e o Uruguai. Na região de Colonia, as cinzas começaram a ser observadas no aeroporto local a partir das 13 horas.  Na região de Buenos Aires, as cinzas reapareceram após um dia de violentas tempestades provocadas pela passagem de uma frente fria. Houve chuva forte e queda de granizo ontem na região do aeroporto internacional Ezeiza, na Grande Buenos Aires, com rajadas de vento de 85 km/h. As cinzas começaram a aparecer por volta das 10 horas da manhã desta terça-feira e persistiam sobre o local até as 15 horas. Na região de Mar del Plata, cidade litorânea na província de Buenos Aires, a presença das cinzas vulcânicas começou a ser percebida a partir das 9 horas da manhã de hoje. Em Montevidéu, capital do Uruguai, não havia observação das cinzas, pelo menos até 15 horas.