Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Cinzas vulcânicas do Calbuco chegam ao RS novamente

05/05/2015 às 16:44
por Josélia Pegorim

O vu
lcão chileno Calbuco teve uma erupção no dia 30 de abril e um nova pluma de cinzas vulcânicas começaram a ser espalhadas sobre pela atmosfera da América do Sul. A recente entrada de uma grande massa de ar polar sobre a Argentina fez com que um forte fluxo de ventos de sudoeste e sul voltassem a ocorrer sobre a Argentina fazendo com que as cinzas vulcânicas fossem transportadas novamente para a região de Buenos Aires e para o Uruguai. No domingo, o aeroporto de San Fernando, próximo de Buenos Aires começou a observar a presença das cinzas vulcânicas. Nesta terça-feira, as cinzas (VA – volcanic ash, em inglês) apareceram em grande área sobre o Uruguai, passando sobre a região de Durazno, Montevideo e Maldonado. Na imagem do satélite Terra/MODIS, operado pela NASA, a pluma de cinzas vulcânicas é a mancha esfumaçada que passa pelo litoral do Uruguai e avança sobre o mar. Nos próximos dias, o fluxo de ventos na média e alta atmosfera vai favorecer o transporte de um pouco desta nova pluma de cinzas vulcânicas para o leste da Região Sul e do Sudeste.  A região do sul do Rio Grande do Sul é a mais provável de ter a presença de cinzas vulcânicas novamente.     Céu púrpura A terceira erupção do Calbuco, no dia 30 de abril, não foi tão intensa como nos dias 22 e 23 de abril. Mesmo assim, é possível que nos próximos dias se veja algum efeito na atmosfera do leste da Região Sul e parte do leste do Sudeste . A presença das cinzas deixa o céu entardecer num tom puxado para o  púrpura.  Cinzas vulcânicas no Rio de Janeiro O mosaico de fotos mostra a presença da cinzas vulcânicas do Calbuco no céu do Rio de Janeiro. A coloração "púrpura" representa a presença das cinzas. O enxofre contido nas cinzas vulcânicas é o responsável pela mudança na coloração do céu. A sequência de fotos foi feita por Hélio C. Vital, no Rio de Janeiro, olhando para a o horizonte oeste. Não há uso de filtros nas fotos, porém foi feito um realce para melhor identificação do fenômeno.       Entenda porque o céu muda de cor na presença das cinzas vulcânicas Fotos do entardecer com cinzas vulcânicas