Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Como fica o tempo na final da Copa?

10/07/2014 às 21:03
por Josélia Pegorim

n style="font-size: 13px;">A chuva forte que caiu sobre a cidade do Rio de Janeiro nesta quinta-feira foi um dos efeitos da passagem da uma frente fria. Foi a chuva mais intensa que ocorreu no Rio desde o início da Copa. Choveu forte com raios na segunda-feira passada, mas não foi de forma generalizada como nesta quinta-feira. A frente fria avança em direção do Espírito Santo nesta sexta-feira, mas parte de sua instabilidade permanece sobre o Estado do Rio. Ainda há previsão de chuva também para o Grande Rio, porém sem risco para novos temporais. Há uma possibilidade de aberturas de sol no decorrer da tarde.     Final da Copa 2014 A chuvarada desta quinta-feira certamente deixou muita gente assutada em relação ao tempo para a final da Copa 2014. São Paulo fez a abertura e o Rio de Janeiro foi escolhida para fazer o encerramento. Alemanha e Argentina vão disputar o título no gramado do Maracanã em jogo marcado para as 16 horas do domingo, 13 de julho de 2014. Para ver o sol brilhar de novo no Rio de Janeiro, será preciso paciência para esperar a atmosfera se movimentar e fazer com que os ventos mudem de direção e a infiltração de umidade diminua sobre a cidade. Essa mudança é gradual e até o sábado ainda poderá chover um pouco no Rio, mesmo como sol aparecendo. No domingo, a entrada de umidade marítima já será menor. A previsão para a final da Copa 2014 é de que o Rio e Janeiro tenha sol e muitas nuvens, mas não deve chover. A segunda Copa do Mundo de Futebol no Brasil deve terminar com temperatura agradável, sem o calorão e o sol que fizeram a festa de muitos turistas durante quase todos dias do evento.   Chuva volumosa A forte infiltração de umidade marítima, queda da pressão atmosférica e o choque térmico acentuado provocado pela frente fria geraram as nuvens carregadas que provocaram chuva volumosa da quinta-feira, 10 de julho de 2014.  Houve queda da granizo. A chuva veio do mar e passou sobre a cidade com maior intensidade entre 14 e 18 horas. A tabela mostra os maiores acumulados registrados pelo Alerta Rio – Prefeitura do Rio de Janeiro neste período. Os volumes acima de 30 mm, em 4 horas, são tecnicamente bastante elevados.