Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Coração polar passa sobre o Sul do Brasil

05/06/2010 às 13:02
por Josélia Pegorim

O In
verno vai começar oficialmente só no dia 21 de junho, às 8h28, pelo horário de Brasília. Esta data é definida por cálculos astronômicos e não significa que o frio começará só depois dela. A atmosfera não funciona com hora marcada. As condições meteorológicas sobre a América do Sul já estão com características de Inverno há mais ou menos 1 mês. Todas as ondas de frio que chegam ao Brasil nascem na Antártica e ficam mais fortes no decorrer do outono e do inverno porque o continente gelado praticamente não recebe aquecimento solar nesta época. O inverno antártico começa antes do 21 de junho. Sem o sol para aquecer, o ar na Antártica também vai ficando mais gelado. O ar polar vai se desprendendo da terra dos pinguins e viaja com os ventos chegando a Argentina, ao Brasil. A nova onda de frio que está entrando no Brasil veio com características especiais. O ar gelado passou sobre os Andes na parte mais alta ao norte da cordilheira, entrou pelo extremo norte do Chile e da Argentina e vai passar pelo centro-sul do Brasil nos próximos dias. Este caminho é especial e faz com que o ar polar chegue ao Brasil muito seco e também com maior poder de frio. O ar polar que se enche de umidade marítima é menos gelado. Esta semana será realmente gelada no centro-sul do Brasil. A parte mais fria da massa polar passa exatamente sobre o Sul do país entre este domingo e a segunda-feira.  É o coração da massa polar que vai passar sobre a Região Sul. Com a presença do ar muito frio, a falta de nuvens durante a noite e o menor número de horas de sol que já se tem neste época do ano, o resfriamento será muito acentuado e temperaturas próximas de zero grau devem ser observadas em grande parte da Região Sul. Muitas áreas da Região vão amanhecer o domingo e a segunda-feira com geada, que é o gelo que se forma no solo com o congelamento do orvalho. A geada em pequena quantidade e fraca é bonita. A geada forte e ampla também dá um visual bonito, mas prejudica muito a agricultura pois queima as plantas, os pastos e os prejuízos financeiros são grandes também.