Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Destaques do dia 25 junho 2010

25/06/2010 às 18:08
por Josélia Pegorim

ong>Curitiba (PR) Esquentou hoje na capital do Paraná. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia,a temperatura às 15 horas foi de 26,3ºC. Foi o maior valor registrado em Curitiba desde o dia 26 de abril, quando fez um calorzinho parecido, de 26,2ºC. Porto Alegre Porto Alegre, com o todo Rio Grande do Sul, viveu uma verdadeira montanha russa térmica nas últimas 48 horas. As temperaturas mínimas e máximas registradas pelo Inmet foram: dia 23: min 4,1º C / max 21,3ºC dia 24: min 12,2ºC / max 26,5ºC (maior valor desde o dia 19 de abril) dia 25: min 13,6ºC / maz 14,7ºC (segunda tarde mais fria de 2010) Palmas (TO) Em Palmas, o vento da direção leste soprou em fortes rajadas nesta sexta-feira, chegando aos 50 km/h. Este vento traz umidade do mar, mas mesmo assim o ar ainda ficou bem seco. A umidade mínima no aeroporto de Palmas chegou aos 19%, caracterizando um estado de alerta, pelos padrões da Organização Mundial da Saúde. Muito nevoeiro no Sudeste O nevoeiro forte que se formou no começo da manhã reduziu muito a visibilidade em várias áreas do Sudeste. Na Grande São Paulo, a visibilidade no Campo de Marte chegou a baixar para apenas 500 metros, às 7 horas.  No aeroporto internacional de Guarulhos, a visibilidade ficou muito prejudicada desde às 4h15 da madrugada, quando o nevoeiro se formou e o alcance visual nas pistas ficou reduzido a 800 metros. Às 6 horas, a visibilidade baixou para 300 metros e permaneceu assim até 8 horas. São José dos Campos, no vale do Paraíba,  em São Pauulo: a visibilidade no aeroporto local era de apenas 200 metros, às 8 horas. O nevoeiro também se formou na região da Zona da Mata Mineira. Ri0 de Janeiro O calor passou dos 30ºC na tarde desta sexta-feira. A temperatura máxima chegou aos 31,1ºC em Santa Cruz, na zona oeste. O fim de semana será com sol, calor e mar baixo. No domingo as ondas até podem subir para 1,0 - 1,5 m. Aumento de umidade em Brasília Desde a sexta-feira passada, o aeroporto internacional de Brasília registrou índices de umidade do ar de emergência 4 vezes. O auge da secura foi 7%, na tarde de terça-feira. O vento marítimo de leste que predominou fez a umidade aumentar. O menor índice no aeroporto JK hoje foi de 29%.