Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Emoção e angústia dominam partida entre Celeste e Gana

06/07/2010 às 12:29
por Redação

O jo
go entre Uruguai e Gana foi certamente um dos mais sofríveis desta Copa do Mundo. Para o Uruguai era a maior chance de se chegar às semifinais depois de 40 anos, para Gana era a possibilidade de uma seleção africana ir pela primeira vez para a próxima fase do mundial. A emoção tomou conta do Soccer City até o último minuto da prorrogação, resultado do empate em 1 a 1 durante os 90 minutos de jogo. O Uruguai tinha força com Suarez, mas com a marcação de Gana, o atacante conseguia fazer muito pouco. O capitão da Celeste, Diego Lugano se machucou e saiu chorando do campo, no lugar dele entrou Scotti aos 37 minutos do primeiro tempo. Para aumentar o drama, Gana abriu o placar nos acréscimos da primeira parte e nem a torcida uruguaia acreditava num resultado positivo. O segundo tempo começou com os sulamericanos em desvantagem, mas isso não foi motivo para eles deixarem de ir para o ataque em busca do empate. Com Diego Forlan a Celeste reagiu, o uruguaio criou bastante jogadas, mas pouco apareceu no mundial por conta das atuações decisivas de Suarez. No entanto era dia dele brilhar e ser determinante para a seleção. Aos 10 minutos, Fórlan cobra a falta e a bola desvia das mãos do goleiro Kingson, para empatar. O empate pressionou e a tradição uruguaia foi mais eficiente e foi para cima. O equilíbrio dominou a partida, O Uruguai atacava e detinha maior posse de bola, enquanto Gana se mantinha na defesa segurando o resultado. O jogo foi para a prorrogação, com isso, os ganenses e os uruguaios foram com toda força para o ataque e aos 15 minutos do segundo tempo da prorrogação Suarez desviou o gol feito de Gana, com a mão na grande área. A expulsão e o gol de pênalti eram certos. A torcida já chorava a eliminação quando Gyan cobrou fazendo a bola bater no travessão. A decisão ia para os pênaltis. A emoção e a angustia dominavam os jogadores, as equipes e os torcedores. Na disputa entre Kingson e Muslera, os uruguaios foram melhores, e garantiu a vaga da Celeste na semifinal. Na próxima terça-feira, o Uruguai pega a Holanda a partir das 15:30, na Cidade do Cabo. A Laranja Mecânica venceu o Brasil, na última sexta-feira e eliminou a seleção canarinho da busca pelo hexacampeonato.