Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Faz tempo que não chove no Brasil Central

31/08/2010 às 10:37
por Alexandre Nascimento

A pr
esença de grandes massas de ar seco sobre o centro do país nesta época do ano não é tão incomum assim. O grande problema é que quando elas persistem por muitas semanas consecutivas, o ar esquenta demais e o processo entra em "looping", ou seja, o tempo seca, o ar esquenta, deixando o tempo mais quente e ainda mais seco.... e assim por diante! Com isso, as áreas de instabilidade ficam bloqueadas nos extremo sul e norte e também algumas áreas de chuva chegam ao leste nordestino, como vemos na imagem de satélite da manhã desta terça-feira, dia 31 de agosto. Em várias áreas do Brasil não há registro de chuva há pelo menos 60 dias, como a gente pode verificar na figura abaixo. Essas áreas, coincidentemente, batem com as áreas onde mais houve registro de focos de queimadas nos últimos meses e a umidade relativa do ar atingiu os níveis mais críticos nas últimas semanas. Exemplos: Mato Grosso, sul do Pará e Tocantins foram os Estados que mais queimaram este ano. Em Presidente Prudente, no oeste paulista, a umidade relativa do ar tem ficado abaixo de 12% há uma semana. Em Brasília, não chove desde o dia 26 de maio. O nível dos rios, das represas e das cachoeiras no interior paulista tem baixado dia-a-dia e algumas cidades já estão pensando em racionamento no abastecimento de água. A combinação entre falta de chuva e ar seco tem assustado os agricultores, que já pensam no início do plantio da safra de verão. É normal que em setembro as primeiras pancadas de chuva já retornem e com elas as primeiras semeaduras, mas pelo andar das simulações numéricas, essas primeiras pancadas só devam ocorrer de forma significativa em outubro mesmo.