Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Fim de semana será sem temporal na Grande SP

17/01/2014 às 21:38
por Josélia Pegorim

No f
im de semana, o risco de temporais diminui bastante sobre o Estado de São Paulo devido a entrada de um ar seco. Os níveis de umidade tendem a diminuir na Grande São Paulo, o que vai fazer com que as nuvens fiquem menos carregadas, com menos potencial para chuva. A chance de chover sobre a Grande São Paulo é baixa no fim de semana e na segunda-feira. Toda a região terá várias horas com sol, sempre junto de pouco de nuvens. Faz calor. Balanço dos temporais Desde o dia 8 de janeiro, a Grande São Paulo vem tendo  temporais todos os dias, nem sempre causando problemas nas mesmas regiões. Mas a pior situação ocorreu entre nos dias 15, 16 e 17 de janeiro quando a chuva causou o transbordamento de córregos. Alagamentos - 15 de janeiro: 18 pontos (maior desde 25/01/2013 que teve 18 pontos) - 16 de janeiro: 20 pontos (maior desde 26/03/2013 que teve 22 pontos) - 17 de janeiro: 23 pontos (maior desde 09/03/2013 que teve 44 pontos) Volume de chuva - de 9 a 17 de janeiro, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 136 mm no Mirante de Santana, 57% da média de chuva para janeiro, que é de 237 mm. Nesta sexta-feira (17), o córrego Jacu, na zona leste, transbordou. O CGE – Centro de Gerenciamento de Emergências  - registrou 23 pontos com alagamento na cidade de São Paulo. Foi a maior quantidade de alagamentos de 2014 até agora e maior desde 9 de março de 2013. Neste dia, a capital paulista teve 44 pontos com alagamentos. Na zona norte da cidade, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 75,6 mm o Mirante de Santana, a maior chuva de 2013. Segundo o portal de notícias G1, um cobrador de ônibus morreu na tarde desta sexta-feira, ao ser atingido por um raio. Ele estava na garagem da empresa de ônibus na região de Artur Alvim, zona leste de São Paulo.