Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Manaus e Palmas terminam julho com recorde de calor. Rio Branco teve julho seco

01/08/2011 às 08:17
por Josélia Pegorim

ong>Manaus e Palmas terminam julho com recorde de calor Os dois últimos dias de julho foram muito quentes em Manaus, capital do Amazonas, e também em Palmas, capital do Tocantins.As duas cidades registraram novos recordes de calor para 2011, pode duas vezes consecutivas. Em Palmas, a tarde do domingo foi a mais quente deste ano, com temperatura máxima de 36,8°C, de acordo com a medição do Inmet - Instituto Nacional de Meteorologia. O recorde anterior era de 36,4°C registrado em 5 de julho e também no sábado, dia 30. Julho é apenas o quarto mês mais quente do ano em Palmas,com média de temperatura máxima de 32,4°C. O mês mais quente em Palmas costuma ser setembro, que tem média máxima de 35,2°C. Em Manaus, o novo recorde de calor para 2011 também foi estabelecido na tarde do domingo, 31 de julho,com temperatura máxima de 35,4°C, de acordo com o Inmet.O recorde anterior era de 34,7°C e ocorreu na tarde do sábado, dia 30. O recorde de calor deste domingo foi o quarto registrado na capital amazonense durante o mês de julho,que é apenas o quinto mês mais quente na cidade na escala anual. Tecnicamente, o mês mais quente é setembro, com média normal de temperatura máxima de 32,9°C. A chuva de julho em Manaus ficou muito abaixo do normal. O mês é normalmente caracterizado por uma significativa redução da chuva. A média de chuva fica em torno dos 87 milímetros, mas este ano foram registrados aproximadamente 21 milímetros de chuva, de acordo com o Inmet. Julho chuvoso em Macapá A chuva de julho merece destaque em Macapá,capital do Amapá. Normalmente a chuva diminui muito em julho, mas este ano choveu muito mais do que o normal. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, o mês fechou com aproximadamente 325 milímetros de chuva acumulados, 76% acima da média normal que fica em torno dos 185 milímetros. Rio Branco teve julho seco Em Rio Branco, capital do Acre, o mês de julho é normalmente de seca, com pouquíssimos dias com chuva. A média normal de chuva para o mês é de aproximadamente 42 milímetros, mas este ano quase não choveu. De acordo com o Inmet, julho terminou com apenas 1,8 milímetros de chuva acumulados no local de medição do órgão. A chuva de julho em Macapá ficou 96% abaixo da média.