Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Mesmo sem neve frio continua nos EUA

28/01/2015 às 13:34
por César Soares

O leste dos Estados Unidos poderia ter a pior nevasca da história. Segundo os modelos de previsão do tempo o acumulado de neve poderia alcançar os 90 centímetros. Apesar de áreas como Boston em Massachussets ter registrado acumulados de até 45 centímetros, confirmando o alerta de nevasca emitido pelo Serviço Meteorológico Nacional norte americano (NWS - sigla em inglês), a tempestade veio com uma intensidade inferior à prevista. Especialmente em áreas como Novo Iorque na qual o acumulado de neve não passou dos 9 centímetros, segundo informações do NWS.

Veja um vídeo feito pela internauta Anne Lise Sícari em Marblehead, Massachussetts.  

A tempestade Juno enfraqueceu, segundo estimativas do modelo meteorológico o centro da baixa pressão atmosférica está com aproximadamente 1004hPa, A tempestade atingiu seu ápice com um centro de baixa pressão atmosférica de 986hPa. Além da presença do jato polar que incentiva a queda da temperatura, um sistema de alta pressão atmosférica próximo ao nordeste do Canadá impedia o avanço da baixa pressão para o oceano e da trazia mais ar polar.

Apesar de não haver mais a previsão de neve, as temperaturas ainda seguem baixas e em algumas áreas do leste dos Estados Unidos o frio é ainda mais intenso. Em Nova Iorque, a temperatura chegou à -17°C, 7°C a menos do que as temperaturas registradas durante os temporais de neve. Isso se deve a diminuição da nebulosidade que não retêm mais o pouco calor que fica armazenado na atmosfera, e a presença do ar polar que ainda faz a temperatura cair.

Ao longo dos próximos dias não há mais a previsão de neve para os Estados Unidos, mesmo sem neve o frio continua.