Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Metallica 1 x 0 São Pedro

30/01/2010 às 19:57
por Josélia Pegorim

No f
im da manhã deste sábado, os meteorologistas aguardavam que 1 mísero milímetro de chuva caísse na zona norte da cidade de São Paulo, mais precisamente sobre a boca do pluviômetro da estação meteorológica do Mirante de Santana, para que janeiro de 2010 fosse O janeiro mais chuvoso na capital, desde 1943. Mas as áreas de chuva que estavam próximas da Grande São Paulo começaram a recuar, a se movimentar para noroeste e oeste, afastando-se da região. No fim da tarde, curtia-se um solzinho, entre muitas nuvens, mas que já não estavam escuras como de manhã cedo, que não ameaçavam outro temporal. Ele caiu neste sábado, nas primeiras horas da manhã, em municípios como Barueri, Cotia, Santana do Parnaíba. Choveu em várias áreas da zonas sul e oeste da capital. Choveu até um pouquinho na zona norte, mas não no Mirante. Quem fez isto? Como pode acontecer isto? Não foram os astros, nem anjos, nem a força do pensamento de ninguém. Foi a força de um 5925 hPa. Este é o valor (altíssimo) de um sistema de alta pressão atmosférica que está entrando na Região Sudeste do Brasil e que vai livrar o Estado de São Paulo da chuvarada nos próximos dias. Este sistema pode ser entendido como uma forte massa de ar seco. A queda dos níveis de umidade do ar esperada para os próximos dias será fundamental para afastar o risco de temporais generalizados, como vinha ocorrendo em São Paulo. A noite deste sábado começou com muitas nuvens altas e médias sobre a cidade de São Paulo, o estádio do Morumbi lotando por conta do show da banda de rock Metallica. Estas camadas de nuvens não ameaçam chuva e devem até diminuir no decorrer da noite.  Com sorte, São Paulo poderá ver uma super lua cheia, a maior de todas, a Lua Cheia do Perigeu, sua posição mais próxima da Terra. Ela parecerá maior do que é. Quem todos tenham a Lua do Perigeu. Que São Paulo continue a 1 milímetro de um recorde histórico de chuva. Que o Metallica arrase e a galera do Morumbi divirta-se muito, sem incômodos com a chuva. Que o Estado de São Paulo tenha, enfim, alguns dias de trégua da chuva, porque o verão não acabou e ela vai voltar a causar transtornos.   ps meteorológico: nos destaques antigos tem um post intitulado "5900 no Sudeste".   Ele fala sobre o poder meteorológico de um valor tão alto de geopotencial como este. 5925 hPa, como agora, é mais forte ainda.