Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Muita chuva na costa leste do Nordeste

22/06/2015 às 13:40
por Josélia Pegorim

Chuva aumenta no leste do Nordeste

O inverno começou com o aumento de umidade e da chuva na costa leste do Nordeste. As nuvens densas avançam do mar e também se formam na no litoral leste nordestino, entre o Rio Grande do Norte e o sul da Bahia, provocando chuva constante. Mesmo sem raios, estas nuvens são capazes de provocar chuva moderada e até com forte intensidade.

Em João Pessoa, capital da Paraíba, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 23,6 mm em apenas 1 hora, entre 8 horas e 9 horas desta segunda-feira. Em outras áreas como em Ilhéus, no litoral da Bahia, Recife, capital de Pernambuco e em Maceió, capital de Alagoas, choveu de 4 a 6 mm em 1 hora na madrugada e manhã.

Ventos marítimos fortes

Os ventos marítimos da direção leste se intensificaram na costa leste do Nordeste aumentando a carga de umidade que entra sobre a Região. O fluxo de ar úmido está entrando com mais força pelo interior do Nordeste e alcançando áreas mais distantes do mar.

 

A intensificação dos ventos marítimos está associada com a passagem de grandes e fortes massas polares pela costa do Sul e do Sudeste do Brasil. Nos mapas animados, as letras “A” representam os centros de alta pressão polar . Os valores máximos de pressão acima de 1030 hpa são tecnicamente fortes. A direção e a velocidade dos ventos são mostradas  pelas setas coloridas. O tom de rosa forte representa os ventos mais fortes.

Enquanto um centro de alta pressão polar se afasta cada vez mais da costa brasileira, outra alta pressão também forte, que deve alcançar 1038 hPa, vai influenciar a costa do Sul e do Sudeste nos próximos dias. Isto vai manter os ventos fortes na costa leste do Nordeste colaborando para aumentar a umidade e chuva. Além disso, a passagem de uma frente fria pelo litoral da Bahia entre quarta e quinta-feira também vai aumentar as condições para chuva.

No decorrer desta semana há risco de chuva forte e volumosa, com potencial para alagamentos, em várias áreas entre o litoral do Rio Grande do Norte e de Sergipe. As capitais da costa leste, de Natal a Aracaju, podem ter chuva forte.

 

 

 

Como será o inverno deste ano no Nordeste?