Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Névoa sobre São Paulo

31/05/2011 às 10:08
por Josélia Pegorim

Como
é muito comum nesta época, praticamente toda a Grande São Paulo amanheceu nublada, com uma densa névoa. Esta névoa é formada pelo ar úmido e frio que predomina sobre a região, não está associada a chuva e nem causa problemas de visibilidade nas rodovias. Nos aeroportos, a névoa deixou a visibilidade moderada, mas não impediu as operações aéreas no começo da manhã. Às 9 horas, a visibilidade horizontal no aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital, estava em 4000 metros. O Campo de Marte, na zona norte, tinha visibilidade de 5000 metros. A temperatura nos dois locais era de 14ºC. Já no aeroporto internacional de Guarulhos, a visibilidade às 9 horas era de 8000 metros e a temperatura estava em 13ºC. A imagem de satélite mostra a névoa encobrindo praticamente toda a Grande São Paulo. Na região de Barueri, Santana do Parnaíba, Cajamar, Caieras, Franco da Rocha e Mairiporã, a névoa estava menos densa. A névoa úmida e também o nevoeiro, são fenômenos típicos do outono/inverno e são observados sobre a Grande São Paulo quase todos os dias, no começo da manhã e ao entardecer. A diferença entre a névoa e o nevoeiro, ou neblina, como se fala popularmente, é a restrição da visibilidade horizontal. Quando a visibilidade horizontal, a olho nu, fica abaixo de 1000 metros, tem-se o nevoeiro.