Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Região serrana do RJ: chuva diminui, mas risco de deslizamento ainda é alto

02/01/2012 às 14:57
por Josélia Pegorim

A ch
uva enfraqueceu, mas ainda não havia parado no começo da tarde desta segunda-feira sobre a região serrana do Rio de Janeiro. Por volta das 14 horas, radares meteorológicos detectavam chuva moderada na região entre Queimados e Teresópolis.  Esta mesma área de chuva já havia passado por Petrópolis e outras, fracas a moderadas, ainda passavam sobre Nova Friburgo. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, entre 13 horas do domingo e 13 horas desta segunda-feira, 2 de janeiro, Nova Friburgo acumulava mais 73 milímetros de chuva. O total acumulado desde 22 horas do dia 31 de janeiro até o começo da tarde de 2 de janeiro era de aproximadamente 168 milímetros.  A média de chuva normal para janeiro fica em torno de 210 milímetros. Na região de Petrópolis, no mesmo período, choveu pouco mais de 110 milímetros. Em Cordeiro, o Inmet registrou quase 114 milímetros de chuva entre 10 horas do domingo e 10 horas desta segunda-feira.  Esta quantidade de chuva foi muito elevada para um período de 24 horas, e representou mais metade da chuva que normal para janeiro, que fica em torno de 212 milímetros. A chuva persiste na tarde e noite de hoje, variando entre fraca e moderada. Nos próximos dias, as áreas de instabilidade que estão sobre o Sudeste do Brasil, vão provocar um pouco mais chuva sobre a região serrana do Rio de Janeiro, mas pelo menos de amanhã até a quinta-feira, a chuva será menos constante e são esperados também períodos com sol. Porém, a diminuição da chuva não afasta o risco de queda de barreiras e deslizamento de terra. O solo está encharcado e mesmo que pare de chover, naturalmente a terra molhada tende a movimentar. A população deve ficar atenta com  as orientações da Defesa Civil.