Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Reservatórios da Grande SP tiveram chuva forte

11/05/2015 às 12:01
por Josélia Pegorim

As
reas de instabilidade que passaram sobre o Estado de São Paulo no domingo provocaram chuva forte sobre todos os mananciais que abastecem a Grande São Paulo. Choveu mais de 20 mm sobre todos os mananciais pela medição da Sabesp. O sistema Cantareira recebeu 23,5 mm de chuva entre os dias 10 e 11 de maio, a mais volumosa em 2 meses. Entre os dias 10 e 11 de março choveu 26,6 mm. A chuva mais forte recentemente, mas menos volumosa do que a ocorreu entre ontem e hoje, foi de 21,2 mm entre 19 e 20 de abril. A diminuição da frequência e do volume de chuva vem sendo sentida desde meados de março. Com a chuva forte deste domingo, o nível do Cantareira subiu 0,2% em relação ao volume útil total. Depois de 85 dias sem queda, o nível de armazenamento do Cantareira teve sua primeira queda entre os dias 27 e 28 de abril de 2015. Desde o início de maio já ocorreram quatro quedas.  O maior nível alcançado em 2015 até agora foi de 20,1% O total de água armazenado ainda está abaixo do limite mínimo do volume útil. Previsão de pouca chuva A chance de voltar a chover forte sobre o Cantareira nos próximos 15 dias é muito baixa. As áreas de instabilidade saem de São Paulo e um ar seco entra no Estado. A diminuição da umidade vai reduzir as condições para chuva.