Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Risco de chuva forte: frente fria perto de SP, PR e SC

25/03/2010 às 20:17
por Josélia Pegorim

A ch
egada de uma frente fria ao litoral paulista e a presença de ar quente e úmido sobre a Grande São Paulo facilitaram a formação de nuvens bastante carregadas nesta quinta-feira. Além da chuva forte, estas nuvens provocaram muitos raios e rajadas de vento. A temperatura na cidade de São Paulo chegou aos 31,1ºC no Mirante de Santana, na zona norte, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia. Neste local choveu 22,2 milímetros entre 14 horas e 18  horas. O Campo de Marte, também na zona norte, registrou uma rajada de vento de quase 41 km/h, às 14h35. No aeroporto internacional de Guarulhos , uma rajada chegou aos 44 km/h, às 16 horas. Até as 20 horas  desta quinta-feira, o CGE - Centro de Gerenciamento de Emergências - registrava 52 pontos alagados na cidade de São Paulo, sendo que 21 ainda estavam intransitáveis. Oa maiores volumes de chuva computados pelas estações medidoras do CGE foram: Pinheiros - 80,7mm Bom Retiro - 75,1mm Consolação (CGE) - 65,0mm Sé - 55,1mm Santo Amaro - 53,2mm Lapa - 52,0mm Freguesia do Ó - 44,2mm Vila Prudente - 35,0mm Moóca - 33,5mm Itaquera - 21,2mm Casa Verde - 20,4mm Nesta sexta-feira, a frente fria continua próxima ao litoral paulista, mas sem força para fechar o tempo. O ar continua quente e úmido por todo o Estado de São Paulo. Esta condição e a presença da frente fria vão gerar mais nuvens carregadas no Estado na tarde e noite desta sexta-feira. Há risco de novas pancadas de chuva de forte intensidade, inclusive na Grande São Paulo. Uma grande parte da área de instabilidade desta frente fria permanece próxima ao litoral de Santa Catarina e do Paraná. Os dois estados estão sujeitos a chuvas fortes. O maior risco de chuvas volumosas, que poderão causar problemas, é no litoral catarinense, no vale do Itajaí, no litoral e em todo o leste do Paraná, incluindo a região de Curitiba.