Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Salvador: chuva recorde e queda da temperatura

18/05/2012 às 17:49
por Josélia Pegorim

ong>Salvador: chuva recorde e queda da temperatura   O céu cheio de nuvens e as pancadas de chuva que ocorrem desde ontem por quase toda Bahia aliviam o cenário de seca. A mudança no tempo veio com uma frente fria, que depois de fazer chover no Sul, Sudeste e Centro-Oeste, ainda chegou com força sobre a Bahia. A chuva desta frente fria chegou ontem na região de Salvador e junto com ventos frios polares que baixaram a temperatura. A tarde desta sexta-feira, 18 de maio, foi a segunda mais fresca do ano até agora. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou uma temperatura máxima de 25,6ºC. O recorde de menor temperatura máxima em Salvador deste ano é de 25,5ºC, em 8 de maio. A madrugada também foi mais fresca. A temperatura mínima na estação medidora localizada no bairro de Ondina foi de 21,4ºC, a terceira menor de 2012 até agora. Este mesmo valor foi registrado também em 20 de fevereiro e 24 de janeiro. O recorde de menor temperatura, ou de madrugada mais fria, é de 20,9ºC, em 30 de janeiro.   Recorde de chuva não muda quadro de seca A chuva desta frente fria que virou o tempo foi a mais volumosa sobre Salvador este ano. Entre 9 horas de quinta e 9 horas desta sexta-feira, choveu 42,1 milímetros na região de Ondina. Mas um dia de muita chuva não muda o quadro geral de seca. Salvador vem tendo chuva muito abaixo do normal desde dezembro do ano passado. Em 2012, até agora, o desempenho menos pior da chuva foi o de fevereiro, quando o volume total de precipitação ficou 44% abaixo do normal. A chuva de abril, que normalmente é o segundo mês mais chuvoso em Salvador, ficou 85% abaixo da média normal que é de 322 milímetros, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia.   Tempo seca no interior nos próximos dias A frente fria que levou um pouco de chuva para grande parte da Bahia já está se afastando. Durante o fim de semana, o ar seco volta a ganhar força pelo interior baiano reduzindo os níveis de umidade e as condições para chuva. Pelo litoral, ainda teremos bastante nebulosidade e chuvas freqüentes pelo menos até a terça-feira que vem. O interior do Recôncavo e a Chapada Diamantina podem ter chuvas leves.