Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

São Paulo: ar seca e risco de temporal diminui

21/02/2013 às 10:36
por Josélia Pegorim

São
Paulo está mais quente e seca nesta quinta-feira. Às 10 horas,  no Campo de Marte, na zona norte da cidade, a temperatura era de 28ºC, dois graus a mais do que ontem  no mesmo horário. A umidade relativa do ar era de 45%, contra 61% ontem.  Na região do aeroporto de Congonhas, na zona sul, a temperatura às 10 horas era de 28ºC e a umidade relativa estava em 37% e ontem, a esta hora, a umidade era de 47% e a temperatura estava e, 28ºC. Na tarde de ontem, a umidade mínima em Congonhas foi de 29%. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 39% no Mirante de Santana, na zona norte. Estes valores são bastante abaixo dos padrões normais do verão. Com o maior aquecimento do ar, o nível de umidade vai diminuir ainda mais e durante a tarde deve alcançar valores pouco acima dos 20%, que é o limite para a situação de "alerta" (12% a 20% de umidade no ar) pelos padrões da Organização Mundial da Saúde. Ar seco e menor risco de temporal A redução dos níveis de umidade do ar foi um dos motivos que evitou a ocorrência de novos temporais sobre a Grande São Paulo. A maioria das pessoas nem viu chuva. Choveu rapidamente em áreas da Lapa, na zona oeste e radares meteorológicos registram chuva moderada entre Santa Isabel, Mogi da Cruzes e Guararema. São Paulo amanheceu ensolarada, quase sem nuvens Por causa do calor, a nebulosidade aumenta, mas a chance de chuva é baixa. Frente fria amanhã A chance de chuva, e de novos temporais, aumenta a partir da tarde desta sexta-feira, devido a passagem de uma frente fria pelo litoral paulista. O sábado será com muitas nuvens, mormaço, ar abafado e risco de temporais.  Não vai esfriar, apenas a temperatura não deve ficar tão elevada como nos últimos dias. No domingo,  sol aparece forte de novo, mas a as pancadas de chuva podem ser fortes à tarde e à noite.