Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

São Paulo bate recorde de frio neste domingo

15/07/2012 às 14:25
por Redação

O ar
polar chegou com força em São Paulo neste final de semana. A temperatura entrou em forte queda em todo o Estado e a capital paulista registrou novos recordes de frio. Até agora neste ano de 2012, o Instituto Nacional de Meteorologia ainda não havia registrado nenhuma temperatura abaixo dos 10°C em seu posto de medição na cidade, localizado no Mirante de Santana, na zona norte paulistana. A menor marca até o sábado (14/07) era de 10,5°C, marca atingida no dia 02/05, ainda durante o outono. No entanto, durante a madrugada do último sábado, os termômetros despencaram, uma combinação entre a presença do ar polar e a ausência de nuvens no céu, que pemitiram a perda de calor pela atmosfera, provocaram um acentuado resfriamento e o Instituto Nacional de Meteorologia registrou apenas 8,9°C ao amanhecer do sábado. Ao longo do dia, a umidade relativa ficou baixa e São Paulo chegou a entrar em estado de atenção, com o índice ficando abaixo de 30% em diversos pontos da capital paulista. Novamente, a baixa umidade garantiu mais uma madrugada sem nuvens durante o domingo, que permitiu a rápida perda de calor de atmosfera, aliado a presença do forte ar polar, fez a temperatura cair ainda mais. Na manhã deste domingo (15/07), o recorde de temperatura foi novamente batido e o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 8,8°C, a mais baixa de 2012 até agora.       FRIO CONTINUA, MAS SEM RECORDES ATÉ QUARTA O tempo deste domingo já está bastante diferente do último sábado, a entrada do vento mais úmido que chega do mar trouxe muita nebulosidade para a cidade de São Paulo e a umidade relativa do ar aumentou. A presença de nuvens vai dificultar a perda de calor durante a madrugada e assim a temperatura não vai ficar tão baixa na manhã desta segunda-feira como nos últimos dias. No entanto, o ar polar continua atuando e a previsão é de que ainda faça frio no início desta semana, mesmo que sem novos recordes. A partir de terça-feira, novas áreas de instabilidade ganham força sobre todo o Estado de São Paulo e provocam chuva em todas as áreas paulistas. Na capital, há risco de chover e ventar forte entre a terça (17/07) e a quarta (18/07). A partir da quinta-feira, uma nova massa de ar polar chega com força e volta a derrurbar a temperatura em São Paulo.