Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

São Paulo: calor de hoje foi o mais intenso em 3 anos

07/02/2012 às 20:01
por Josélia Pegorim

tarde desta terça-feira, 7 de fevereiro, foi a mais quente na cidade de São Paulo em 2012, até agora, e também a mais calorenta  dos últimos 3 anos. O Inmet - Instituto Nacional de Meteorologia registrou 34ºC no Mirante de Santana, na zona norte da capital. Esta foi a maior temperatura neste local desde março de 2009 quando fez 34,1ºC. O recorde anterior de calor de 2012 era de 33,3ºC no sábado passado, 4 de fevereiro. O calor foi intenso na tarde de hoje em toda a Grande São Paulo. No aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, a temperatura chegou aos 33ºC. Na zona norte, o Campo de Marte também registrou 33ºC, antes da chuva forte que caiu por lá, pouco antes das 17h30. A temperatura às 17 horas era de 31ºC e a com a chuva despencou para 25ºC, às 17h20. As nuvens carregadas que passaram por lá provocaram chuva intensa e fortes rajadas de vento de 63 km/h. Granizo e queda de árvore na região do Paraíso O excesso de calor, e também a aproximação de uma frente fria do litoral paulista, foram responsáveis pela formação das nuvens carregadas que cresceram em vários locais da capital e da Grande São Paulo nesta tarde, provocando chuva forte, ventania e até granizo. O CGE - Centro de Gerenciamento de Emergências - registrava 16 áreas com alagamentos na cidade de São Paulo, às 19h20, sendo 5 intransitáveis. A maioria dos alagamentos estavam nas zonas oeste e norte da cidade. Houve registro de pequenos granizos na região da Vila Madalena e também no bairro do Paraíso. Na rua da sede da Climatempo, no Paraíso, região central da cidade, a ventania impressionou os meteorologistas que estimaram velocidade entre 70 e 80 km/h. A imagem mostra a árvore que caiu sobre um carro na rua Eça de Queiroz, próxima da Climatempo. Calor e mais chuva amanhã Uma frente fria vai passar pelo litoral de São Paulo nesta quarta-feira, mas não terá força para virar muito o tempo e nem para aliviar o calor. Todo o Estado de São Paulo ainda terá sol e calorão, mas a  chegada da nova frente fria  vai ajudar a formar nuvens carregadas e as pancadas de chuva voltam a acontecer à tarde e à noite. A Grande São Paulo também novas pancadas de chuva e que podem ser moderadas a fortes. Como hoje, há risco de rajadas de vento intensas e raios. A chuva vem em boa hora para melhorar a qualidade do ar. O tempo seco dos últimos dias deixou o ar mais poluído e algumas áreas da Grande São Paulo registraram excesso de ozônio. Mas só vai refrescar de verdade na sexta-feira, quando outra frente fria, forte, chegar a São Paulo trazendo bastante chuva e queda da temperatura.