Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

SP: muita chuva nos próximos dias

03/01/2011 às 08:55
por Josélia Pegorim

O an
o de 2011 começou com uma mudança radical das condições do tempo no Estado de São Paulo. O sol e o calor predominaram na última semana de 2010, que teve poucas pancadas de chuva. Mas no primeiro fim de semana de 2010, grandes áreas de instabilidade se formaram sobre São Paulo provocando chuva forte e volumosa em muitas áreas do Estado. A chuvarada que caiu na Baixada Santista de sábado para domingo deixou muitas áreas alagadas, causando um enorme transtorno numa época de grande movimento turístico e comercial, por conta das férias. Segundo a Defesa Civil de Santos, das 10 horas de sábado até às 10 horas de domingo, foram acumulados 175,8 mm. O volume normal de chuva em janeiro é de 278,7 mm. Na capital, não houve nenhum temporal assustador, com raios e trovões, mas a chuva não deu trégua desde a noite de sábado e em vários momentos choveu com moderada a forte intensidade. Do sábado até por volta das 10 horas da manhã de segunda-feira, o Centro de Gerenciamento de Emergências registrou 29 pontos alagados pela cidade, sendo que 20 foram no domingo.  Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, entre 10 horas do domingo e 10 horas desta segunda-feira, a estação meteorológica do Mirante de Santana acumulava quase 69 milímetros de chuva. Pelo interior do Estado, a chuva foi muito volumosa principalmente em localidades do centro-leste e norte do Estado. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, entre 9 horas do domingo e 9 horas desta segunda-feira choveu aproximadamente 119 milímetros em Itapira, 105 em Piracicaba e 75 milímetros em Barra Bonita. A região de Campos do Jordão acumulava 51 milímetros. Em São Carlos e Votuporanga choveu 48 milímetros neste período. A mudança no tempo em São Paulo foi provocada por uma grande mudança na circulação dos ventos sobre o Brasil, que forçou a concentração do ar quente e úmido sobre o Estado. A baixa pressão atmosférica que predomina neste início de ano ajuda a formar e a manter as nuvens de chuva no Estado. Esta situação não vai mudar muito nas próximas 48 horas. Assim, pelo menos até a quarta-feira, os paulistas vão conviver com muita chuva. O risco de alagamentos e deslizamentos aumenta, pois há muita água acumulada no solo. Alguns córregos podem transbordar. No fim da semana, o sol deve reaparecer com mais força, porém as pancadas de chuva vão continuar.