Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Três furacões no Oceano Atlântico Norte

17/09/2010 às 11:55
por Josélia Pegorim

Trê
s furacões estão ativos nesta sexta-feira no Oceano Atlântico Norte. Na análise do NHC, sigla em inglês do Centro de Furacões dos Estados Unidos , das 9 horas, pelo horário de Brasília, Julia era um furacão de categoria 1, mas que vem enfraquecendo desde ontem.  Os ventos constantes estavam em torno dos 140 km/h. Este furacão não atua em nenhuma área povoada e move-se para oeste/noroeste com 32 km/h. O furacão Igor é o maior e o mais forte dos três observados. Os ventos constantes de Igor são da ordem de 195 km/h, com rajadas mais fortes. Porém, Igor é um sistema bastante amplo e os ventos com esta força podem ser sentidos em áreas que estão a 165 km distante do centro do sistema. Este furacão teve ligeiro enfraquecimento de ontem para hoje e nesta sexta-feira é avaliado como sendo de categoria 4, na escala Saffir- Simpson, que vai até 5. Igor estava se movendo na direção noroeste, com 15 km/h e mantendo este deslocamento deve alcançar a Bermuda no domingo. Esta ilha ao largo da costa leste dos Estados Unidos já está com "aviso de furacão", o que significa que um furacão pode passar sobre a região dentro de 48 horas. A ventania causada por Igor desde o começo da semana está deixando o mar muito agitado em toda a região das Bahamas, Porto Rico, das Ilhas Virgens e fortes ressacas estão ocorrendo nestas áreas. O furacão Karl ganhou força de ontem para hoje e na manhã desta sexta-feira era considerado um sistema de categoria 3, na escala Saffir-Simpson, que tem grau máximo de 5. Este furacão provoca ventos constantes em torno de 195 km/h, com rajadas mais intensas. Seu olho (parte central) avança sobre terras mexicanas ainda na tarde de hoje e a chuva torrencial se espalha pelo interior da parte sul do México.