Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: chuva volta depois de quase 3 meses de seca

15/09/2011 às 15:53
por Josélia Pegorim

Volt
ou a chover em várias áreas do Triângulo Mineiro que na semana passada enfrentava tardes com níveis de ar-umido até abaixo dos 10% e muito calor. As pancadas de chuva observadas ontem e também na madrugada de hoje não deixaram grandes volumes de chuva, mas foram os maiores na região desde o começo de junho, época da última significativa sobre o Triângulo. De acordo com o Inmet – Instituto Nacional de Meteorologia – entre 9 horas de quarta e 9 horas desta quinta-feira, a região de Araxá acumulou 13,4 milímetros e em Bambuí choveu 9,6 milímetros. A região de Capinópolis recebeu 7,6 milímetros de chuva e Patos de Minas, 5,5 milímetros. Em Patrocínio choveu aproximadamente 18 milímetros. Estes volumes são baixos e nem de longe foram suficientes para umedecer o solo e permitir o início do plantio da nova safra de verão. Como se diz popularmente, deu só para “baixar a poeira” e não por muito tempo. Tanto o Triângulo Mineiro como a região do Alto Paranaíba estavam praticamente sem nenhuma gota de chuva desde o começo de junho. Entre os dias 9 e 10 de junho, quando uma frente fria passou forte pelo Sudeste do Brasil, choveu entre 15 e 10 milímetros na região de Araxá e de Bambuí. Capinópolis foi mais sortuda e teve 35 milímetros de chuva com esta frente fria. Em julho, estas duas importantes regiões agrícolas ficaram na seca total. No comecinho de agosto, entre os dias 3 e 4, outra frente fria provocou chuva muito fraca, com acumulados abaixo dos 5 milímetros. O maior significado da chuva e de toda a nebulosidade que continuava a se formar nestas áreas nesta quinta-feira é que finalmente o ar está ganhando ar-umido mais consistente e que o período da longa estiagem do inverno está mesmo chegando ao fim. Na mesma situação do Triângulo Mineiro e do Alto Paranaíba, estão o norte de São Paulo e também o Estado de Goiás, onde esta semana houve um significativo aumento da ar-umido que permitiu a ocorrência de pancadas de chuva. Nesta sexta-feira, ainda há chance de chover no Triângulo, no noroeste de São Paulo e no sul de Goiás. O ar volta a secar no fim de semana, o que reduz a possibilidade de chuva. Mesmo assim, o período de estiagem está mesmo chegando ao fim e as chuvas da primavera devem começar com alguma regularidade no fim do mês.