Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Virada para 2010 nas capitais do Sudeste

31/12/2009 às 01:24
por Josélia Pegorim

ong>Rio de Janeiro A chuva forte que voltou a cair sobre o Rio de Janeiro na tarde e noite do dia 30 de dezembro prosseguia no começo da madrugada desta quinta-feira, ainda de forma moderada e generalizada em muitas áreas da cidade. Além dos alagamentos e transtornos no trânsito, a chuva prejudicou a operações dos aeroportos e causou novos deslizamentos. Os bairros mais afetados foram os da zona norte e houve vítimas fatais. Até a primeira meia hora do dia 31 de dezembro, conforme as medições do Georio, órgão ligado à prefeitura e que monitora as precipitações na cidade, os volumes de chuva acumulados no período de 24 horas eram muito elevados. Veja alguns valores: Ilha do Governador  106 mm, Grajaú  78 mm, Penha  96,6 mm, Bangu  95,2mm, Tanque  91,2 mm, Medanha  160,8 mm, Irajá  83,4 mm, Piedade  88,4mm, Cidade de Deus  93mm, Riocentro  81,6 mm, Cachambi  82,8mm, Campo Grande  80,8mm A situação do Rio de Janeiro permanece crítica nesta quinta-feira, pois a chuva deve persistir em grande parte do dia. Podem ocorrer alguns períodos de estiagem a partir da tarde. Uma frente fria chega ao litoral fluminense no decorrer do dia e as condições de chuva permanecem altas. Porém, esta frente fria também vai trazer para a cidade os ventos frios, de origem polar, que serão importantes para ajudar a esfriar a atmosfera, diminuindo o risco de temporais. A possibilidade de chuva no Rio na hora da virada para 2010 é alta, mas a chuva não deve ser forte. São Paulo A Grande São Paulo teve algumas pancadas de chuva fortes no final da tarde de ontem, mas que foram em poucas áreas da região e não se prolongaram por muito tempo. Porém, a nova frente fria que chega ao litoral paulista nesta quinta-feira vai trazer mais umidade para a capital paulista. As condições de chuva são altas, especialmente à tarde e à noite. Não são esperados temporais, mas em alguns momentos a chuva pode cair com moderada intensidade.  Ventos  úmidos e frios devem soprar sobre a cidade trazendo muita umidade do mar.  É grande a possibilidade de chuva na largada para a corrida de São Silvestre, tanto para a competição feminina como para a masculina. A chegada de 2010 deve ser com céu nublado e a chance de chuva é alta, porém de fraca intensidade. A noite da virada não será abafada como nos últimos dias. A nova frente fria  vai trazer mais chuva também para o interior de São Paulo, onde a situação é crítica em várias localidades, por conta do elevado volume de chuva das últimas 49 horas. Há risco de deslizamentos e transbordamento de córregos e trechos de rios. A chance de chuva na virada para 2010 é alta.  No litoral, onde o sol e o calor predominaram nos últimos dias, as eventuais pancadas de  chuva que ocorreram não causaram transtornos. Mas a chegada da frente fria vai mudar o tempo. A temperatura começa a baixar nesta quinta-feira. A quantidade de nuvens aumenta muito. As condições de chuva são altas para a tarde e noite do dia 31 de dezembro, com fraca a moderada intensidade.  O vento moderado pode incomodar um pouco. Belo Horizonte A Grande Belo Horizonte e várias localidades da Zona da Mata Mineira entraram neste 31 de dezembro com tempo chuvoso. A nova frente fria que chega ao litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro vai colaborar para manter o tempo chuvoso no decorrer desta quinta-feira. Podem ocorrer períodos de melhoria, com algumas horas sem chuva, mas a possibilidade de chuva na hora da virada para 2010 é grande. A situação é de alerta total na Grande Belo Horizonte porque o solo está encharcado e o risco de deslizamentos de terrenos é muito grande. As condições de chuva permanecem altas nas próximas 48 horas. Segundo a medição do Instituto Nacional de Meteorologia, do dia primeiro de dezembro até as 10 horas da manhã do dia 30, o acumulado de chuva estava em aproximadamente 545 milímetros. Falta pouco para dobrar a média normal de dezembro que é de 319 milímetros. Só nos últimos três dias foram 159 milímetros, quase metade do normalmente chove durante todo o mês. Vitória O Espírito Santo entrou no último dia de 2009 com temperaturas elevadas, o ar abafado, mas sem transtornos com a chuva.  Chovia no início da madrugada em municípios do sul do Estado. Na capital,Vitória, a temperatura por volta da meia-noite era de 28C. A nova frente fria que chega ao litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro nesta quinta-feira tende a aumentar as condições de chuva em grande parte do Espírito Santo. Mesmo assim, a Grande Vitória e a maioria das áreas capixabas, vão passar este 31 de dezembro com sol e calor, mas com chance de pancadas de chuva à tarde e à noite. A chance de chuva no norte do Estado é baixa. A maior possibilidade de chuva para a hora da virada para 2010 é para as cidades do sul do Espírito Santo, próximas do Rio de Janeiro. Pode até chover forte. A Grande Vitória poderá ter pancadas de chuva, mas que não devem comprometer os festejos do Ano Novo.